A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

23/05/2013 08:45

Passeata a favor de avaliação para médicos estrangeiros acontece no sábado

Aliny Mary Dias

Uma passeata contra um projeto do Governo Federal que autoriza a atuação de médicos estrangeiros no país sem que eles passem por uma avaliação técnica será realizada no próximo sábado (25) em Campo Grande.

A caminhada pretende reunir 200 profissionais da área médica e estudantes. O Sinmed-MS (Sindicato dos Médicos ), o CRM (Conselho Regional de Medicina) e a AMMS (Associação Médic a) estão à frente da manifestação.

As Universidades Federal e Uniderp-Anhanguera irão liberar o estudantes para participar da passeata. Segundo as entidades, o Governo pretende facilitar a atuação de profissionais estrangeiros no país.

Atualmente, a Revalida (revalidação do diploma de médicos estrangeiros), é necessária para médicos estrangeiros. Uma das reclamações do Sinmed é que profissionais sem qualificação podem começar a trabalhar no país e diminuir a qualidade do atendimento.

Segundo a organização, a passeata será às 9 horas do sábado e a concentração acontece na Praça do Rádio Clube, no Centro de Campo Grande. A manifestação também será realizada simultaneamente em outras cidades do país.



muito me admira, com tanta corrupção na classe médica, e ainda querem barrar médicos estrangeiros, porque será? se não querem trabalhar deixa para os que querem e realmente vão ajudar a população.
 
Alexssandra Balbuena em 23/05/2013 12:39:43
Acompanhei a preparação da complementação de temas relacionados com o SUS e outros temas que são exigidos para poder trabalhar no Brasil, de alguns médicos Cubanos que poderão vir para o Brasil e com certeza Cuba não iria enviar médicos sem qualificação e tão pouco o Governo Federal irá trazer médicos sem qualificação, pois estudo lá, não somos contra a revalidação, somos a favor de provas justas e que esta mesma prova fosse aplicada para todos os estudantes de medicina formados fora ou dentro do país um exemplo a OAB com relação aos advogados, atendendo a reclamação do Sinmed e evitando de que médicos sem qualificação que foram formados dentro ou fora dos país possam trabalhar no Brasil.
 
João Paulo Leão em 23/05/2013 12:37:18
ué, tão com medo do que??? nao esta faltando medicos???
 
alex santos em 23/05/2013 09:57:32
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions