A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

31/01/2013 14:37

PM ficou de sobreaviso para atuar nos presídios durante paralisação de agentes

Paula Vitorino e Luciana Brazil
Secretário participou de formação de sargentos nessa manhã. (Foto: Rodrigo Pazinato)Secretário participou de formação de sargentos nessa manhã. (Foto: Rodrigo Pazinato)

Após a paralisação de 24horas dos agentes penitenciários do Estado, o titular da Sejusp (Secretaria de Justiça e Segurança Pública de Mato Grosso do Sul), Wantuir Jacini, afirmou que efetivo da Polícia Militar precisou ser mobilizado para evitar problemas nos presídios.

Segundo ele, todos os setores da PM ficaram de sobreaviso para atuar caso houvesse alguma situação de conflito nos presídios. Ele não informou quantos policiais foram deslocados do serviço de ronda das ruas para fazer o monitoramento, alegando que é sigilo.

Em Mato Grosso do Sul, segundo a Sejusp, não houve necessidade de intervenção da Polícia Militar. Jacini ainda ponderou que manifestações desse tipo “fazem parte”.

A paralisação dos agentes teve início ontem às 7h e terminou hoje no mesmo horário. O movimento teve adesão de 16 estados. Os servidores querem a posse de arma para os agentes.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions