A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

08/10/2014 21:55

Prefeitura afirma que nova Secretaria é um meio e conseguir recurso federais

Eduardo Penedo

A superintendente de Comunicação da Prefeitura de Campo Grande entrou em contato com o Campo Grande News e informou que a criação da Secretaria Municipal de Segurança Pública é um recurso que o prefeito Gilmar Olarte encontrou para conseguir recursos federais e atender a reivindicação da população por falta de segurança na Capital.O prefeito da Capital irá amanhã (9), às 9 horas, a Câmara dos Vereadores explicar o projeto da criação da nova secretária. 

A criação da Secretaria Municipal de Segurança Pública, apesar de haver previsão de R$ 41 milhões na LOA (Lei Orçamentária Anual), destinados para a área de segurança pública, que poderão ser utilizadas para implementação da secretaria, o município deve ter gastos com a nova estrutura.

A Prefeitura de Campo Grande está em crise financeira e tem que economizar pelo menos R$ 200 milhões para não chegar no fim do ano com os cofres públicos no “vermelho”.

Entre as “medidas drásticas de contenção” anunciada pelo próprio Olarte para equilibrar a receita estava a diminuição no número de servidores comissionados. Atualmente, são aproximadamente 1,9 mil nomeados, sendo que só na Segov (Secretaria de Governo e Relações Institucionais), são 409.

Olarte suspendeu ainda a redução do salário de 171 funcionários, que havia sido publicada também no dia 01 de outubro. Os cerca de 1,9 mil servidores comissionados geram um custo de aproximadamente R$12,1 milhões mensais para o município.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions