A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

31/03/2014 09:18

Prioridade de secretaria é pagar salários atrasados de professores

Aliny Mary Dias
Secretária afirma que burocracia contribuiu para atrasos de salários de convocados (Foto: Pedro Peralta)Secretária afirma que burocracia contribuiu para atrasos de salários de convocados (Foto: Pedro Peralta)

Sem receber os salários que deveriam ter sidos pagos no início do mês, parte dos professores convocados pela Prefeitura este ano convivem com o atraso dos vencimentos. A chefe da Semed (Secretaria Municipal de Educação), Ângela Brito, afirma que uma das prioridades da pasta é quitar os débitos até o dia 10 de abril.

A secretária explica que balanços e análises estão sendo feitas desde que a gestão de Gilmar Olarte (PP) assumiu a administração. Ela conta que o prefeito estipulou prazo de 90 dias para que todos os problemas estejam identificados e resolvidos.

“Nós ainda não temos a estimativa de quantos profissionais são, mas há salários dos convocados atrasados porque havia muita burocracia para o pagamento. Os processos tinham que ir e vir duas vezes, agora estamos tentando facilitar isso e pagar até o próximo dia 10”, explica Ângela.

Um dos motivos que gerou o aumento na burocracia do pagamento foi o aumento na contratação dos profissionais, já que a aprovação de 1/3 da carga horária para o planejamento fora de sala fez com que a demanda por professores aumentasse.

Outro problema encontrado pela nova administração da pasta e que precisa de solução são os laboratórios de ciências. Na maioria das escolas, as estruturas já existem, mas não há equipamentos. “É um problema que precisamos resolver e estamos orientando os professores a usar os locais mesmo sem equipamentos. Precisamos licitar esses itens e ainda não temos previsão de quando irá acontecer”.

Problemas estruturais em escolas e Ceinfs (Centros de Educação Infantil) estão sendo listados pelas equipes da Semed e devem ser sanados por prioridade.

Kits e uniformes – Sobre a entrega dos kits escolares, Ângela afirma que a secretaria aguarda a chegada do restante das carretas com os materiais e que a expectativa é que as entregas comecem até o dia 10.

Diferente do ocorrido em gestões anteriores quando o prefeito visitava todas as escolas para fazer a entrega simbólica, dessa vez apenas três unidades receberão a visita de Olarte. “Vamos fazer uma setorização de escolas e escolher três pólos para o prefeito entregar porque não temos tempo hábil para percorrer as 40 instituições”, diz.

Com o problema dos kits escolares quase resolvido, a atenção da secretaria se volta para os uniformes. Conforme a secretária, reuniões foram feitas com as diretoras nas últimas semanas para que a entrada de alunos sem o uniforme seja liberada.

A expectativa da pasta é que os uniformes sejam entregues em agosto. Até lá, os alunos que não possuem as roupas podem frequentar as salas.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions