A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

20/06/2011 15:54

Sejusp realiza Congresso sobre concorrência desleal, contrabando e tráfico

Ana Paula Carvalho

A Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública) organizou o 1º Congresso de Capacitação de Recursos Humanos para Identificação à Concorrência Desleal, Contrabando e Tráfico de Drogas, que acontece amanhã (21), às 08h30, no auditório do Novotel, em Campo Grande.

O Congresso vai discutir os dados da Associação de Combate ao Mercado Ilegal (ACMI) que mostram que o mercado ilegal de cigarros movimenta no Brasil R$ 3 bilhões por ano, fazendo com que o governo deixe de arrecadar anualmente R$ 2 bilhões em imposto.

Em Mato Grosso do Sul, a concorrência desleal gera uma evasão fiscal de pelo menos R$ 14 milhões por ano.

Segundo o presidente da ACMI, Roberto Alves de Lima, esses recursos poderiam ser investidos em educação, saúde pública e habitação. Ainda de acordo com ele, aqui no Estado, o problema é a com países como o Paraguai que tem grande potencial de fábricas de cigarros. Só naquele país, são 30 fábricas.

Os cigarros falsificados que custam em média R$ 1,60 enquanto que o preço no mercado formal com todos os impostos é de R$ 3,40.

O objetivo do Congresso é capacitar os recursos humanos das diversas instituições de segurança que atuam combatendo crimes de tráfico de armas e de drogas. Os participantes terão palestras que ensinam a identificar cigarros, moedas e outros produtos falsificados e com isso, aumenta a interação entre os agentes para a realização de ações conjuntas.

Programação:

09h00 – “Identificação de cigarros ilegal” - Palestrante: Rodrigo Morais – Gerente de Planejamento Estratégico/ Souza Cruz

10h40 - “Identificação de Produtos falsificados” - Palestrante: Leandro Menezes – Gerente Nacional de Trade Marketing/ Bic

14h00 – “Identificação de Moedas Falsificadas” - Palestrante: Perito da Casa da Moeda do Brasil, Alberto Martins.

15h00 – “Perícias de Produtos Falsificados apreendidos em Mato Grosso do Sul” - Palestrantes: Peritos criminais, Melissa Porto Tronchini, Rogério Pereira de Oliveira, Janary Nunes França e Orivaldo José da Silva Junior



A SEJUSP tá realizando estas palestras? Tá e quem vai ser palestrante e justamente um da Souza Cruz. Então isso na verdade e uma propaganda para usar cigarro brasileiro, e não os do Paraguay!!!
O correto era um palestrante da ministerio da Saúde para falar dos maleficios deste droga ilicita.
 
Carlos Medina em 20/06/2011 10:01:48
Só temos que parabenizar a atitude do Secretário da Sejusp, por uma sociedade melhor ,pela segurança e paz nas famílias e o ideal de uma sociedade justa e perfeita .
 
Paulo Roberto Marques Pereira em 20/06/2011 04:17:42
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions