A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

24/08/2015 12:40

Sem avanços, reunião entre Santa Casa e prefeitura deve acontecer à tarde

Flávia Lima e Michel Faustino
Secretário adjunto Antônio Lastoria e Wilson Teslenco. (Foto: Michel Faustino)Secretário adjunto Antônio Lastoria e Wilson Teslenco. (Foto: Michel Faustino)

A reunião que deveria acontecer na manhã desta segunda-feira (24) para definir a renovação do contrato entre a prefeitura e a Santa Casa da Capital, terminou sendo transferida para a tarde, desta vez com a participação de representantes do governo do Estado.

No encontro de hoje cedo a diretoria do hospital foi recebida pelo secretário de Governo, Paulo Matos e pelo secretário-adjunto da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), Antônio Lastória.

A diretoria da Santa Casa quer que a prefeitura assuma o compromisso de um contrato a longo prazo, para garantir que os serviços sejam prestados sem interrupção à população.

Porém, os representantes da gestão municipal afirmaram que o cenário financeiro da prefeitura ainda é considerado instável, por isso não é possível garantir uma contratualização a longo prazo.

O diretor-presidente do hospital, Wilson Teslenco afirmou que contas com fornecedores já estão em atraso. Após uma série de reuniões no primeiro semestre, a prefeitura, Santa Casa e governo estadual fecharam um repasse mensal de R$ 20 milhões ao hospital, mas na ocasião o contrato foi fechado apenas por um mês, devido a crise financeira enfrentada pela administração municipal.

“Essa situação causa insegurança”, disse Teslenco. Também é preciso definir alguns detalhes das cláusulas do acordo com o governo do Estado, por isso a reunião da tarde deverá contar com a presença do secretário de Saúde de Mato Grosso do Sul, Nelson Tavares, além do secretário de Saúde do município, Jamal Salém.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions