ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, QUARTA  20    CAMPO GRANDE 22º

Capital

Só neste ano, furtos de tampas de bueiro e fios deram prejuízo de R$ 700 mil

Custos incluem a reposição de fios de energia, tampas de bueiros, grelhas de ferro, além de mão de obra

Por Adriano Fernandes | 13/10/2021 19:32
Um dos ferros-velhos fiscalizados nesta quarta-feira (13). (Foto: Divulgação) 
Um dos ferros-velhos fiscalizados nesta quarta-feira (13). (Foto: Divulgação)

De janeiro a setembro deste ano, foram contabilizados mais de R$ 700 mil de prejuízos em reparos e reposição de material metálico furtado das vias públicas da Capital, conforme dados da Sisep (Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos). Tais custos incluem a reposição de fios de energia, tampas de bueiros, grelhas de ferro, além dos gastos com mão de obra.

Diante desse panorama a prefeitura tem intensificado as fiscalizações a ferros-velhos da Capital, que possam estar receptando os metais frutos de roubos ou furtos. Somente nesta quarta-feira (13), dois estabelecimentos, um no Bairro Aero Racnho e outro na região do Bairro Guanandi foram notificados por estarem operando sem alvará. Entretanto, nenhum material ilícito foi encontrado nos ferros-velhos. No total, oito endereços foram fiscalizados 08 somente nesta manhã.

Realizada pela Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Gestão Urbana) em conjunto com a Vigilância Sanitária e GCM (Guarda Civil MetropolitanA), a Operação Ferro-Velho busca identificar os receptadores de materiais metálicos furtados, bem como coibir a compra e venda desses produtos, além de reduzir o prejuízo aos cofres públicos.

Em junho, 29 ferros-velhos foram autuados e pelo menos duas pessoas foram presas por receptação, no âmbito da operação.

Guardas em ferro-velho fiscalizado nesta quarta-feira. (Foto: Divulgação) 
Guardas em ferro-velho fiscalizado nesta quarta-feira. (Foto: Divulgação)


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário