A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 23 de Janeiro de 2018

14/12/2011 18:39

Testemunhas de assassinato de taxista prestam depoimento nesta 5ª

Nadyenka Castro

Audiência está marcada para começar às 15h30min e a previsão é que sejam ouvidas 12 pessoas

Wesley foi preso em uma chácara à beira do rio Aquidauana, enquanto pescava. (Foto: João Garrigó)Wesley foi preso em uma chácara à beira do rio Aquidauana, enquanto pescava. (Foto: João Garrigó)

Testemunhas de acusação do assassinato do taxista Daniel Manoel Dudu, ocorrido no início da manhã do dia 26 de agosto, em Campo Grande, serão ouvidas nesta quinta-feira.

A audiência para depoimento de 12 pessoas está marcada para começar às 15h30min, na 1ª Vara do Tribunal do Júri, e será presidida pelo juiz Alexandre Ito.

O crime aconteceu quand casal entrou no táxi e pediu uma corrida até o Jardim Presidente, onde moravam.

o Wesley Oliveira dos Santos, de 18 anos, e namorada, uma adolescente, retornavam para casa após terem passado a noite do dia 25 e a madrugada fora. O

De acordo com a Polícia Civil, o jovem atirou no taxista para não pagar a corrida. Já ele disse à imprensa que Manoel Dudu ofendeu a adolescente. A vítima foi atingida por dois tiros e morreu na Santa Casa.

Wesley está preso desde 6 de setembro, quando foi encontrado pescando no rio Aquidauana. Ele estava hospedado em uma chácara. A namorada dele, de 17 anos, foi apreendida no dia do crime.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions