A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

30/08/2011 23:29

Casos de incêndios triplicaram este ano, afirma Corpo de Bombeiros

Vinícius Squinelo

O corpo de Bombeiros de Mato Grosso do Sul revela que neste mês de agosto o número de incêndios aumentou, isso devido a baixa umidade relativa do ar. A umidade permaneceu em torno de 20%. “Esse tempo seco é propício a incêndios. A população deve ficar em alerta”, comenta o chefe da assessoria de comunicação dos Bombeiros de Mato Grosso do Sul, coronel Joilson de Paula.

Neste ano, os bombeiros registraram 2.623 ocorrências de incêndio no Estado. Sendo que 632 no mês de agosto e dessas 232 ocorrências só na Capital. O triplo comparado com o mesmo período do ano passado. “Na maioria dos casos o incêndio é causado por limpeza de terreno. Mesmo sendo proibido as pessoas ainda tem este terrível hábito”, comenta o coronel.

Quem for pego ateando fogo poderá receber uma multa que varia de R$ 1.300 a R$ 5.200. “Às vezes a pessoa acha que esta é a melhor forma para se economizar, mais está equivocada. Além da multa altíssima os malefícios que traz à saúde são muitos, e o barato sai caro”, explica De Paula.

Nesta época do ano o coronel ressalta a importância de ter cuidados até com hábitos corriqueiros. “O tempo está muito seco e qualquer faísca já é o suficiente para causar um incêndio fora do controle. Devemos ter muito cuidado até com as bitucas de cigarro que se jogam na rua”, alerta De Paula.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions