A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

29/09/2010 08:52

Depoimento de delegado e policiais sobre morte dura 4h

Redação

Durante quatro horas da noite de ontem o delegado Edílson dos Santos Silva, a escrivã Lucilene Maciel Cavalheiro Hada e um policial da 6ª DP (Delegacia de Polícia) prestaram depoimento para esclarecer a morte do preso Rodrigo Marques dos Santos, 20 anos. O jovem foi atingido por um tiro na virilha depois pegar a arma e tentar matar a escrivã. O tumulto ocorreu ontem à tarde na unidade policial e o delegado Edílson foi quem atirou contra o preso.

De acordo com o delegado responsável pela investigação, Wellington de Oliveira, o inquérito policial para apurar o caso será instaurado hoje.

As investigações tiveram início ontem à noite. Wellington de Oliveira ficou na 6ª DP das 18 horas às 22 horas. Neste período foram colhidos os três depoimentos.

Wellington explica que foi feita perícia no local e que, quando chegou para as oitivas, a sala ainda estava revirada. "

Câmara Federal regulamenta carreira dos agentes comunitários de saúde
Com a presença de agentes comunitários nas galerias da Câmara, os deputados federais concluíram hoje (12) a votação do projeto de lei que regulamenta...
Anvisa libera serviço de vacinação em farmácias de todo o país
Farmácias e drogarias de todo o país vão poder oferecer o serviço de vacinação a clientes. A possibilidade foi garantida em resolução aprovada hoje (...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions