A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 25 de Setembro de 2018

23/09/2009 13:49

Diretor do Depen detalha suposta gravação em presídio

Redação

O diretor do Depen (Departamento Penitenciário Nacional), Wilson Sales Damázio, que esteve hoje em Campo Grande, disse que as imagens supostamente feitas na Penitenciária Federal são de um casal qualquer tendo relação sexual.

Segundo Damázio, as imagens mostram um casal em relação sexual e que falava de presos. Pelas declarações dele não é possível afirmar que as imagens foram feitas dentro do presídio. Damázio afirma que não são feitas imagens de visitas intimas.

"Não existe gravação de visitas íntimas. Tem um ano que se fala nisso. Tentaram enganar o povo", assegura Damázio.

O diretor ressalta ainda que apenas as conversas entre os presos e os advogados, no local chamado parlatório, já foram gravadas e com ordem judicial. Ele voltou a afirmar que este procedimento levou a segurança pública a desarticular um plano de sequestro de autoridades, entre elas, o filho do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva.

De acordo com Damázio, a sindicância administrativa que apura o envolvimento de seis agentes na divulgação dessas imagens está em fase final, assim como o inquérito da Polícia Federal.

Modelo - Damázio veio hoje de manhã a Campo Grande para apresentar o presídio federal a uma comissão de uruguaios, que tem interesse de "copiar" o modelo adotado no Brasil.

Sancionada lei que amplia licença paternidade para as Forças Armadas
O presidente da República em exercício, o ministro do Supremo Tribunal Federal Dias Toffoli, sancionou hoje a lei que aumenta de cinco para 20 dias a...
Fies abre inscrições para vagas remanescentes
Estão abertas, a partir de hoje (24), as inscrições para as vagas que não foram preenchidas no processo seletivo regular do Fies (Fundo de Financiame...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions