A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

22/07/2011 15:41

Em quase 3 meses, campanha recolhe 146 armas em Mato Grosso do Sul

Fabiano Arruda

Lançada no dia 6 de maio em todo País pelo Ministério da Justiça, a Campanha do Desarmamento contabiliza 146 armas entregues em Mato Grosso do Sul até agora.

Nas unidades da Polícia Federal do Estado foram recolhidas 134 armas, segundo informa a superintendência da PF em Campo Grande.

Já nas unidades da PRF (Polícia Rodoviária Federal), que foram credenciadas no final de maio, foram apenas 12 armas entregues.

O delegado da Federal em Campo Grande, Marcelo Botelho, considera o número expressivo. Ele destaca a agilidade na indenização e a garantia do anonimato como atrativos desta campanha.

As armas recolhidas são destinadas ao CMO (Comando Militar do Oeste), na Capital, para inutilização, exceto as que têm numeração raspada ou são originárias de furto, roubo ou extravio, informa o delegado.

Após a inutilização, as armas serão encaminhadas para o descarte total, que poderá ser feito por meio da queima em fornos industriais de alta temperatura.

Os valores da indenização, que dura entre 24 horas e 30 dias após a entrega, podem variar de R$ 100 a R$ 300, de acordo com o tipo da arma.

Em parcial divulgada pelo Ministério da Justiça no começo deste mês, a campanha arrecadou 9.160 armas e 30,9 mil munições em todo o País, num total de R$ 835 mil em indenizações. Os revólveres calibre 38 lideram a lista dos armamentos recebidos pelas polícias Federal e Rodoviária Federal.

A campanha segue até 31 de dezembro. De acordo com o ministério, depois dessa data, as entregas continuarão sendo aceitas, mas as pessoas que decidirem se desarmar não serão indenizadas.

O lançamento da campanha, antes previsto para começar apenas em junho, foi antecipado por conta da tragédia na escola de Realengo, no Rio de Janeiro, no início de abril, quando 12 crianças morreram vítima de um atirador.

Nas duas campanhas anteriores foram recolhidas cerca de 550 mil armas.

Em dois meses, campanha do desarmamento recolhe 9.160 armas
Em vigor há dois meses, a Campanha Nacional do Desarmamento 2011 arrecadou 9.160 armas e 30,9 mil munições em todo o país. O balanço nacional, divulg...
Campanha do desarmamento ganha telefone como central de informações
A campanha nacional contra o desarmamento adotou o telefone 194 como alternativa, para os interessados a entregarem sua arma, tirarem dúvidas. A liga...
Na contramão do desarmamento, leilão oferece revólveres em Campo Grande
Quem quiser levar as armas pode participar com lance mínimo de mil reaisUm item disposto em edital de leilão da 6ª vara da Justiça do Trabalho de Ca...
Postos da PRF também receberão armas de fogo da campanha pelo desarmamento
O Ministério da Justiça ampliou a lista de postos de coleta de armas de fogo que participam da Campanha Nacional do Desarmamento, lançada no início d...


Estão loucos !!! Desarmando a população e deixando os bandidos reinarem !!!!!
 
judiclei neto aguelho em 22/07/2011 04:28:15
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions