A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 24 de Setembro de 2018

29/09/2017 10:14

Dois dias após proibição, prefeitura chama mais de mil professores temporários

Renata Volpe Haddad

A prefeitura de Campo Grande publicou nesta sexta-feira (29) uma lista convocando mais de 1.500 professores substitutos que devem atuar em Ceinfs (Centros de Educação Infantil) e escolas municipais. A convocação acontece dois dias depois da Justiça proibir o Executivo de contratar ou renovar contratos de professores temporários.

A convocação está no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande). Foram chamados 143 professores que vão atuar no Ceinfs e pouco mais de 1.400 nas escolas municipais.

Alguns dos contratos têm vigência de apenas um dias, outros até dezembro e alguns, a contratação vai até novembro. 

Em decisão proferida na quarta-feira (27), o juiz Alexandre Antunes da Silva, da 1º Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos, estipulou multa de R$ 5 mil, caso a determinação seja descumprida.

A decisão é resultado de uma ação civil pública movida pelo Ministério Público Estadual, contra o município de Campo Grande. Na ação, o promotor de justiça Adriano Lobo Viana de Resende apontou que a administração pública pratica ilegalidade ao realizar mais de 2,3 mil contratações de servidores sem concurso público.

 Confira o edital clicando aqui.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions