A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 22 de Abril de 2018

24/11/2017 14:19

Estado destina R$ 122 milhões em suplementação para Ageprev

Decreto foi publicado no Diário Oficial do Estado desta sexta-feira (24)

Mayara Bueno
Sede da Governadoria, no Parque dos Poderes,
em Campo Grande. (Foto: Paulo Francis).Sede da Governadoria, no Parque dos Poderes, em Campo Grande. (Foto: Paulo Francis).

O Governo de Mato Grosso do Sul remanejou R$ 122 milhões para a Ageprev (Agência Estadual de Previdência), conforme publicação do Diário Oficial do Estado desta sexta-feira (24).

Conforme o documento, o remanejamento é para "garantir os meios de subsistência aos inativos e pensionistas". O governo suplementou R$ 354.488.693,00, mas não informou de quais áreas a verba está sendo retirada. Outras áreas também receberam recursos remanejados de outras áreas, de acordo com a publicação.

O decreto foi publicado em meio às discussões sobre a reforma da Previdência estadual. O projeto tramita na Assembleia Legislativa de MS e é criticada por alguns servidores. Por parte do governo, a alegação é de que a reestruturação (que eleva alíquotas de contribuição) é necessária para diminuir o deficit do setor.

Mudanças - O texto discutido contém duas grandes alterações, propostas por um grupo de deputados estaduais e que estão dentro do conjunto de 24 emendas apresentadas por eles após negociação com o governo.

A primeira delas “parcela” o aumento do percentual de desconto salarial para a contribuição previdenciária obrigatória. Por mês, servidores ativos terão descontados 14% dos salários só a partir de maio de 2020, mas a partir de maio de 2018, o desconto, que era de 11%, já subirá para 12% e para 13% a partir de maio de 2019.

Já o percentual de desconto patronal – contrapartida de recolhimento tirada dos cofres estaduais, no caso – sobe de 22% para 24% em maio de 2018 e chega em 25% em maio de 2019.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions