A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

05/11/2015 14:00

Hospital Universitário de MS suspende 40% dos exames por falta de material

Michel Faustino
Estima-se que cerca de 300 mil exames sejam realizados por ano. (Foto: Marcos Ermínio/Arquivo)Estima-se que cerca de 300 mil exames sejam realizados por ano. (Foto: Marcos Ermínio/Arquivo)

O Humap (Hospital Universitário Maria Aparecida Predrossian), da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), suspendeu 40% do volume total dos exames eletivos em decorrência da falta de reagentes químicos necessários para executar o serviço. Somente os exames laboratoriais de pulsoterapia, hemodinâmica, cardiologia anticoagulação e Hospital Dia HIV/Aids estão sendo realizados normalmente.

De acordo com a assessoria de comunicação do Humap, a medida foi tomada para evitar a desassistência dos pacientes internados de urgência e emergência.

Conforme a assessoria, os pacientes com exames programados estão sendo avisados do problema e cartazes com a informação foram fixados nas dependências da unidade. Estima-se que cerca de 300 mil exames sejam realizados por ano, mas não há um levantamento sobre o número de pacientes que até o momento foram prejudicados.

O hospital aguarda os prazos legais da licitação já em andamento e verbas da União para a compra dos reagentes e, por enquanto, não há nenhum prazo para que o problema seja resolvido..

Carro roubado no Rio de Janeiro é recuperado em estrada de acesso ao Paraguai
Um automóvel recentemente roubado no Rio de Janeiro foi recuperado por policiais militares em uma estrada vicinal de Japorã –a 487 km de Campo Grande...
Recesso de fim de ano começa nesta semana no Judiciário e Legislativo
Na reta final de 2017, para alguns servidores a "folguinha" das festas começa mais cedo. Em orgãos Estaduais e Federais de Mato Grosso do Sul, tem re...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions