A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 30 de Março de 2017

15/08/2013 12:37

Acusado de decepar dedo e cortar cabelos de mulher com faca é preso pela polícia

Bruno Chaves
Acusados de tortura cortaram e guardaram cabelos de vítima (Foto: Divulgação/Polícia Civil)Acusados de tortura cortaram e guardaram cabelos de vítima (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Acusado de torturar, decepar o dedo indicador e cortar na faca os cabelos e parte do couro cabeludo de Ana Lúcia Alves da Silva, 37 anos, em 19 de junho deste ano, Edvaldo Viana Ferreira, 32 anos, foi preso pela polícia de Três Lagoas, a 338 quilômetros de Campo Grande – nesta terça-feira (13).

Edvaldo estava em uma clínica do município quando foi encontrado por policiais civis da DIG (Delegacia de Investigações Gerais). Ele é marido da traficante Ana Paula Rodrigues da Silva, 23 anos, que é conhecida como Ana Popó. Sob ela, pesam as mesmas acusações de tortura a Ana Lúcia.

De acordo com a Polícia Civil, o crime foi praticado em uma estrada vicinal de Três Lagoas. O motivo teria sido um furto de celular, supostamente praticado pela vítima. Logo após o crime, Ana Paula foi presa em flagrante. Edvaldo fugiu e teve a prisão preventiva decretada pela 1ª Vara Criminal de Três Lagoas.

A traficante, ao ser presa, confessou o crime e mostrou aos policiais onde guardou a faca utilizada no atentado e os cabelos de Ana Lúcia. Ela confirmou que contou com a ajuda de Edvaldo para torturar a vítima.

Após ser preso, Edvaldo foi interrogado e encaminhado para o Presídio de Segurança Máxima de Três Lagoas.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions