ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SEGUNDA  08    CAMPO GRANDE 19º

Interior

Câmara vai mudar lei para abrigar aliado de Délia em Fundação de Saúde

Projeto encaminhado pelo Executivo deve entrar na pauta da sessão de hoje; é a primeira de uma série de mudanças que deverão ser feitas na estrutura do primeiro escalão da Prefeitura de Dourados

Por De Dourados | 12/12/2016 10:21
Albino Mendes (à direita) com Marisvaldo e Délia Razuk (Foto: Folha de Dourados)
Albino Mendes (à direita) com Marisvaldo e Délia Razuk (Foto: Folha de Dourados)

A Câmara de Vereadores de Dourados deve votar na sessão de hoje à noite o primeiro projeto de interesse da nova administração. Encaminhada pelo Executivo, a matéria altera a lei que criou ao Funsaud (Fundação de Serviços de Saúde de Dourados) e amplia os quadros de profissionais aptos para o exercício da presidência do órgão.

O objetivo da mudança é permitir que o ex-vereador Albino Mendes assuma a presidência da fundação a partir de janeiro de 2017. Antigo aliado da prefeita eleita Délia Razuk (PR), Albino foi um dos principais coordenadores da campanha vitoriosa da vereadora na eleição deste ano.

Atualmente apenas profissional de saúde pode assumir a presidência da fundação, que foi criada pelo prefeito Murilo Zauith (PSB) em 2014 para administrar o Hospital da Vida e a UPA (Unidade de Pronto Atendimento).

Conforme o projeto encaminhado pelo Executivo e que precisa ser aprovado em plenário ainda em 2016, passa a ser incluído entre os profissionais aptos a assumir a presidência o bacharelado em ciências jurídicas. Albino Mendes é formado em direito.

Mais mudança – Outros projetos devem chegar à Câmara de Vereadores nesta semana, já que o Legislativo realiza a última sessão ordinária na quinta-feira (15) e inicia o recesso no dia 19.

Entre as mudanças que serão feitas na minirreforma solicitada por Délia Razuk ao atual prefeito estão a divisão da Secretaria de Fazenda, criando uma pasta para cuidar da arrecadação e outra para ordenar despesas, alteração na Secretaria de Planejamento e recriação da Secretaria de Comunicação – atualmente o setor faz parte da Secretaria de Governo.

Existe especulação também de alteração na Secretaria de Governo, que deve ser ocupada pelo ex-secretário do governo Zeca, Raufi Marques. O titular da pasta deve perder o caráter de ordenador de despesas – função que ficará restrita à secretaria que será criada pela divisão da pasta da Fazenda.

Diplomação – Na tarde de hoje, os eleitos em Dourados serão diplomados no cartório eleitoral, sem uma cerimônia. O juiz eleitoral Jonas Hass da Silva Junior vai entregar o diploma a cada um dos eleitos e a um suplente de cada coligação. A entrega será feita das 12h às 15h para Délia Razuk, para o vice-prefeito eleito Marivaldo Zeuli (PPS) e aos os vereadores.

De acordo com o ofício encaminhado pelo juiz eleitoral, além da prefeita e do vice-prefeito, serão diplomados os 19 vereadores eleitos um suplente de cada coligação.

Nos siga no Google Notícias