A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 24 de Março de 2017

14/09/2015 13:07

Com 20 mil novos emplacamentos, frota da cidade chega a 132 mil veículos

Helio de Freitas, de Dourados
Frota da segunda maior cidade de MS chegou a 132.875 veículos, segundo números do Detran (Foto: Divulgação)Frota da segunda maior cidade de MS chegou a 132.875 veículos, segundo números do Detran (Foto: Divulgação)

O município de Dourados, a 233 km de Campo Grande, tem frota de 132.875 veículos, de acordo com dados do Detran. Foram 20.937 novos emplacamentos desde 2012, quando a frota da segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul era de 111.938 unidades – crescimento de 18,70%.

De acordo com a assessoria da prefeitura, o planejamento estratégico adotado para promover a economia tem reflexo direto nesse crescimento. Através do projeto Polo de Serviços do Setor Metalmecânico, implantado em 2012, a cidade atraiu várias empresas e mais investimentos.

A prefeitura cita como termômetro o emplacamento de micro-ônibus e ônibus, que saiu de 491 em 2012 para 784 em 2015. Foram 293 novos veículos de transporte coletivo – crescimento de 59,6%.

A frota de caminhões e caminhão-trator (cavalo que puxa carretas) saltou de 4.957 em 2012 para 5.512 neste ano – 555 veículos de transporte de cargas pesadas a mais, ou crescimento de 11,20%.

O número de emplacamento de reboques, sistema de reboques e side-car chegou a 31%. O número desse tipo de veículo de arrasto, puxado por carros, caminhonetes, caminhões e motos, passou de 3.705 em 2012 para 4.856 em agosto. Já o número de picapes saltou de 12.154 em 2012 para 15.691.

A quantidade de automóveis aumentou de 50.616 em 2012 para 60.562 em 2015. A cidade emplacou quase 10 mil carros no período, com percentual de 19,64%.

O número de motocicletas cresceu 12,94%, saltando de 39.438 em 2012 para 44.542 no início de setembro deste ano.

Na avaliação da prefeitura, os investimentos em infraestrutura urbana, como construção de moradias populares, construção, recuperação e abertura de ruas, ampliação do aeroporto e do transporte público, investimento em capacitação de mão de obra, desburocratização do serviço público e atração de empresas contribuem para Dourados ser menos afetada pela crise que assola o país.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions