A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

12/02/2016 10:45

Evento de apresentação do Sisfron começa com apresentação em árabe

Priscilla Peres e Helio de Freitas
Reunião de apresentação do Sisfron acontece nesta manhã, em Dourados. (Foto: Eliel Oliveira)Reunião de apresentação do Sisfron acontece nesta manhã, em Dourados. (Foto: Eliel Oliveira)

Começou há pouco, com uma hora de atraso, o evento de demonstração do Sisfron (Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras) para uma comitiva de árabes, em Dourados - distante 233 km de Campo Grande. O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) e o ministro da Defesa, Aldo Rebelo, participam da solenidade.

O evento começou com o general Ruy Yutaka Matsuda, comandante da 4ª Brigada de Cavalaria Mecanizada de Dourados, apresentando o Sisfron aos árabes. Um tradutor participa para que os visitantes entendam o que está sendo falado.

O Sisfron é um projeto-piloto que está sendo implantado desde 2014 na fronteira com o Paraguai, mais especificamente na extensão de Mundo Novo a Bela Vista. E de acordo com o general Matsuda, a área de 16 mil km de fronteira a serem protegidos é equivalente a ida e volta de Paris a Pequim, por exemplo.

Para ele, o Sisfron é uma solução tecnológica de proteção da fronteira sem muros, como o do EUA com México e o de Berlim. Fotos dos muros foram mostradas no telão, para exemplificar o sistema. "O Sisfron é um muro tecnológico que impede aquilo que faz mal mas permite a interação cultural e social com outros países", disse ele durante o evento.

O vídeo de apresentação do Sisfron é narrado em Árabe, para melhor entendimento dos visitantes. Em um trecho, é dito que o sistema de monitoramento é um dos sete projetos estratégicos que o Exército tem.

O ministro da Defesa, Aldo Rebelo participa companhado de uma comitiva composta por Embaixadores, Ministros de Defesa e Adido Militar, integrantes de Países Árabes (Palestina, Catar, Líbano, Kuaite, Tunísia, Líbia, Mauritânia, Argélia, Emirados Árabes Unidos, Egito, Sudão, Iraque, Liga Árabe, Marrocos e Jordânia).

Após a fala do general Comandante da Brigada falou o presidente da Savis, empresa do grupo Embraer que montou o sistema. O o ministro da Defesa vai conceder uma entrevista coletiva a partir de 11h na 4ª Brigada de Cavalaria Mecanizada.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions