A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

12/03/2016 14:43

Índio é ferido a tiros durante invasão de fazenda vizinha à reserva de Dourados

Segundo a Polícia Militar, confronto ocorreu na manhã deste sábado durante ocupação de uma fazenda entre Dourados e Itaporã; vítima levou tiros de calibre 22 e está internada, mas fora de perigo

Helio de Freitas, de Dourados
Índios em barraco montado no perímetro urbano de Dourados; áreas invadidas aumentam todos os dias (Foto: Eliel Oliveira)Índios em barraco montado no perímetro urbano de Dourados; áreas invadidas aumentam todos os dias (Foto: Eliel Oliveira)

Um índio ainda não identificado foi ferido a tiros durante invasão de uma fazenda nas margens da MS-156, entre Dourados e Itaporã. A propriedade é vizinha à reserva indígena de Dourados, mas fica distante dos sítios ocupados no fim de semana passada, localizados entre a reserva e o perímetro urbano da cidade.

De acordo com a Polícia Militar, por volta de 11h30 o centro de operações da corporação recebeu uma ligação denunciando que vários índios estavam invadindo a Fazenda Cristal, nas proximidades da terceira rotatória da MS-156, no sentido Dourados-Itaporã.

“A Agência de Inteligência confirmou a invasão da área e que os índios então bloqueando essa rotatória impedindo o acesso até o local. Um dos indígenas que estava na rotatória disse que um deles foi atingido por disparos de arma de fogo, fato constatado posteriormente”, afirmou a assessoria de comunicação da PM.

O índio ferido a tiros deu entrada no Hospital da Vida, em Dourados. Policiais militares foram ao local e confirmaram o fato. O índio não corre risco de morte, segundo a PM.

Ocupação aumenta – Um dos proprietários de sítios ocupados pelos índios informou hoje ao Campo Grande News que 12 propriedades já estão ocupadas nas margens do anel viário norte, rodovia que divide o perímetro urbano de Dourados das aldeias Bororó e Jaguapiru.

Segundo ele, o pedido de reintegração de posse coletivo foi impetrado ontem no Poder Judiciário. O homem, que pediu para seu nome não ser divulgado, disse que outro boletim de ocorrência foi registrado ontem na Polícia Civil, por ameaça de invasão à residência do sítio de sua família e à integridade física de sua mãe e do caseiro da chácara.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions