ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, QUARTA  17    CAMPO GRANDE 16º

Interior

Liderados por dona de bordel, comerciantes protestam na casa de prefeito

Empresários protestam contra as restrições impostas ao comércio para conter o avanço do novo coronavírus

Adriano Fernandes e Helio de Freitas | 29/03/2021 20:55
Comerciantes sentados no meio da Avenida Marcelino Pires, durante protesto nesta tarde. (Foto: Adilson Domingos) 
Comerciantes sentados no meio da Avenida Marcelino Pires, durante protesto nesta tarde. (Foto: Adilson Domingos)

Um grupo de comerciantes de Dourados, a 233 quilômetros da Capital, se reuniu em frente à casa do prefeito da cidade, Alan Guedes (PP), na noite desta segunda-feira (29) em protesto contra as restrições impostas ao setor pelo município, para tentar conter o aumento de novos casos de covid-19.

A manifestação é liderada pela empresária Isa Jane Marcondes, dona de um bordel tradicional em Dourados. Em vídeo feito em frente à residência do prefeito, ela aparece de boné, supostamente falando com Alan Guedes, cobrando a presença dele no local, o que não ocorreu. Guardas municipais acompanham toda a movimentação.

Ao Campo Grande News, Alan Guedes disse que respeita a opinião de todos, entende a situação dos comerciantes, mas afirmou que as medidas adotadas em Dourados seguiram decreto estadual, elaborado com base em orientação científica. Segundo ele, as medidas serão mantidas, pelo menos até o dia 4 de abril, como está definido.

“Enquanto isso, estamos fazendo nossa parte, que é trabalhar para ampliar os leitos de UTI. Amanhã [dia 30], mais cinco entram em operação em hospital particular e esperamos para a próxima semana abrir mais dez no Hospital da Vida e 20 no HU”, afirmou o prefeito.

Alan lembrou que todas as entidades representativas do comércio que procuraram a prefeitura foram recebidas. “Eu participei de duas reuniões ampliadas, dialogando com os comerciantes. Ter diálogo com a sociedade organizada é uma marca do meu trabalho desde quando era vereador e isso não vai mudar”, comenta.

Entretanto, o prefeito não escondeu o descontentamento pelo protesto em frente à sua casa, onde mora com a esposa e dois filhos pequenos. “O palco ideal para esse tipo de protesto, legítimo, diga-se de passagem, é a prefeitura”, conclui.

O protesto na frente da casa do prefeito é sequência das manifestações que aconteceram durante a tarde no Centro e em frente à Câmara de Vereadores. Nesta tarde, o grupo chegou a se sentar no meio da Marcelino Pires, principal avenida da cidade, para chamar atenção para as suas reivindicações.

Em um outro vídeo compartilhado no WhastApp após o protesto em frente à casa do prefeito, Isa Jane convocou outros comerciantes da cidade, pra irem até prefeitura amanhã pela manhã, para cobrar que o prefeito revogue as medidas.

Jane Marcondes foi candidata à vereadora pelo Podemos e falava abertamente durante a campanha que era dona de "zona". Chegou a ser acusada de ameaçar adversários de expô-los em rede social como clientes do bordel. Jane teve 467 votos.

Determinação estadual - Assim como em todas as outras cidades de Mato Grosso do Sul, na última quinta-feira (25) Dourados decidiu seguir o decreto estadual que determina toque de recolher das 20h às 05h de segunda à sexta-feira, e das 16h às 05h aos finais de semana. No município só está permitindo o funcionamento de serviços essenciais à população. A medida vale até 04 de abril.


Nos siga no Google Notícias