ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, QUINTA  23    CAMPO GRANDE 22º

Interior

Ministro da Defesa vem a MS para conhecer monitoramento de fronteira

Raul Jungmann é esperado nesta quinta-feira na Brigada Guaicurus; projeto piloto do Sisfron “patina” com contingenciamento de gastos

Por Helio de Freitas, de Dourados | 18/01/2017 14:05
Sisfron está em fase experimental na fronteira de MS com o Paraguai (Foto: Arquivo)
Sisfron está em fase experimental na fronteira de MS com o Paraguai (Foto: Arquivo)

O ministro da Defesa Raul Jungmann vem amanhã (19) a Mato Grosso do Sul para conhecer o Sisfron (Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteira). Ele é esperado às 15h na Brigada Guaicurus, em Dourados, a 233 km de Campo Grande, onde fica o centro de comando do sistema.

De acordo com o serviço de comunicação social do Exército em Dourados, a comitiva do ministro será formada também pelos comandantes do Exército, Marinha e Força Aérea.

Em julho de 2015, o presidente Michel Temer estevem Dourados para conhecer o Sisfron. Na época, ele ainda era vice da ex-presidente Dilma Rousseff.

O sistema – Projetado para os 17 mil quilômetros da fronteira brasileira, o Sisfron começou a ser implantado em 2012 e o projeto-piloto funciona desde 2014 em Mato Grosso do Sul. O sistema deveria receber R$ 1 bilhão por ano, pelo prazo de 11 anos, mas o programa sofre com o contingenciamento de recursos, adotado ainda em 2014.

No início deste mês, Raul Jungmann anunciou que o Sisfron contará com R$ 450 milhões em 2017. Ele informou também que o governo contará com 35 mil militares da Marinha, do Exército e da Aeronáutica em atuação nos 17 mil quilômetros de fronteira.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário