A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 23 de Junho de 2017

17/02/2012 08:23

Operação do Gaeco prende acusado de ser pistoleiro do "Barão da Maconha"

Aline dos Santos

O preso também é acusado de praticar vários homicídios na região de fronteira do Brasil com o Paraguai

Operação do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) e da PM (Polícia Militar) resultou na prisão do paraguaio Jacinto Ramon Cristaldo Ramirez ontem em Coronel Sapucaia.

Ele é apontado como pistoleiro do traficante paraguaio Felipe Baron Escurra, conhecido como “Barão da Maconha”. O preso também é acusado de praticar vários homicídios na região de fronteira do Brasil com o Paraguai.

Ramon foi preso em uma residência, no bairro Vila Nova. Ele portava uma pistola semi-automática de calibre 9 milímetros e dois carregadores com 26 munições. Também foi apreendida uma motocicleta Honda/Tornado, sem placa. A operação cumpriu mandado de prisão expedido pela Vara Criminal de Ponta Porã.

Contra ele, também há mandado de prisão expedido pela justiça paraguaia por assassinato. Ele é apontado como autor de um duplo homicídio ocorrido na linha internacional entre as cidades de Coronel Sapucaia e Capitan Bado em 2010.

Ramon foi encaminhado para a delegacia de Polícia Civil de Coronel Sapucaia. A pistola será periciada para ser confrontada nos homicídios onde foram utilizados arma de mesmo calibre, ocorridos na região da fronteira do Brasil com o Paraguai.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions