ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SÁBADO  25    CAMPO GRANDE 34º

Interior

PF faz buscas em casa de empresário e suspeita é relação com criptomoedas

Equipes estiveram em residência no Bairro Luiz Curvo, em Ponta Porã, mas operação é de Rondônia

Por Helio de Freitas, de Dourados | 15/09/2021 09:43
Policiais federais na casa de empresário, na Vila Luiz Curvo, em Ponta Porã. (Foto: Direto das Ruas)
Policiais federais na casa de empresário, na Vila Luiz Curvo, em Ponta Porã. (Foto: Direto das Ruas)

Pelo menos dez agentes da Polícia Federal cumpriram mandado na manhã desta quarta-feira (15), na casa de um empresário, em Ponta Porã, cidade a 323 km de Campo Grande, na fronteira com o Paraguai.

O motivo das buscas ainda é desconhecido. Ao Campo Grande News, a assessoria de comunicação da Superintendência da Polícia Federal informou que o mandado faz parte de operação coordenada pela Polícia Federal, em Vilhena (RO). Extraoficialmente, a operação estaria relacionada às investigações sobre criptomoedas.

A residência visitada pelos policiais federais fica na Rua Sérgio Luiz, na Vila Luiz Curvo. Três viaturas da PF foram vistas no local. Vizinhos tiraram fotos à distância.

Junto com a vizinha Pedro Juan Caballero, Ponta Porã forma a principal base do crime organizado na fronteira de Mato Grosso do Sul com o Paraguai. Há cinco anos, as duas cidades estão no meio da guerra travada por facções criminosas pelo controle do tráfico de drogas e de armas.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário