A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 14 de Outubro de 2019

15/08/2019 19:44

Polícia prende mais um sequestrador e 3 que compraram joias roubadas

As identidades dos suspeitos e outros detalhes do crime, serão divulgados nesta sexta-feira (16)

Adriano Fernandes e Helio de Freitas
Família sendo confortada por conhecidos após serem soltos pelos criminosos. (Foto: Direto das Ruas)Família sendo confortada por conhecidos após serem soltos pelos criminosos. (Foto: Direto das Ruas)

O SIG (Setor de Investigações Gerais) da Polícia Civil, prendeu mais um sequestrador e três receptadores que compraram joias e outros objetos roubados da residência de uma família, levada refém durante assalto ontem (14) em Dourados, cidade a 233 quilômetros da Capital.

As identidades dos suspeitos e outros detalhes do crime, serão divulgados em coletiva de imprensa nesta sexta-feira (16). Quatro criminosos participaram diretamente do sequestro do empresário Carlos Heitor Serrante, a esposa de 36 anos e os dois filhos do casal, uma menina de 7 e um menino de 2.

Gabriel Costa dos Santos, de 18 anos, o “Degolado”, que conduzia a camionete Amarok e foi preso durante a fuga e o segundo suspeito, encontrado hoje. Os outros envolvidos já foram identificados e estão sendo procurados pela polícia.

O crime – A família foi feita refém em casa, no Jardim Europa, bairro de alto padrão localizado na região norte da cidade. Os bandidos armados invadiram a casa para roubar os dois veículos da família, uma caminhonete branca Volkswagen Amarok e um utilitário Hyundai Tucson.

Gabriel dos Santos seguiu com a Amarok em direção a Ponta Porã. Os outros assaltantes entraram na Tucson com toda a família e seguiram na mesma direção da caminhonete. No Posto Capey, na BR-463, já no município de Ponta Porã, os policiais rodoviários federais apreenderam a Amarok e prenderam Gabriel.

Os outros assaltantes que seguiam atrás com a família de refém na Tucson perceberam a ação e retornaram em direção a Dourados. Os bandidos entraram no anel viário que contorna a cidade pela região norte e perto de uma empresa de bebida abandonaram o veículo e os reféns e fugiram.

Existe suspeita de que parte da quadrilha estava em um Fiat Uno dando apoio à ação e pode ter dado fuga aos assaltantes que estavam com a família na Tucson.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions