ACOMPANHE-NOS    
MAIO, TERÇA  26    CAMPO GRANDE 10º

Interior

Por falta de doses, vacinação de idosos contra influenza está parada

Município recebeu quase 10.900 doses, que se esgotaram na quinta-feira; Estado ainda não sabe que dia enviará mais vacina

Por Helio de Freitas, de Dourados | 30/03/2020 10:49
Idoso é vacinado no primeiro dia da campanha, na semana passada (Foto: Adilson Domingos)
Idoso é vacinado no primeiro dia da campanha, na semana passada (Foto: Adilson Domingos)

Por falta de vacina, a campanha de imunização contra a influenza está parada desde quinta-feira (26) em Dourados, a 233 km de Campo Grande. A vacinação começou no dia 24, para idosos acima de 80 anos, bombeiros militares e profissionais da saúde.

O município afirma ter recebido 10.830 doses da Secretaria Estadual de Saúde, mas o estoque se esgotou quase por completo nos dois primeiros dias devido à procura fora do normal. As últimas doses foram aplicadas na quinta, pelo sistema “drive thru”, no estádio Douradão. Na sexta-feira (28) e hoje não há vacinação nas 36 unidades básicas de saúde. Além desses locais, a prefeitura montou três postos volantes.

Ao Campo Grande News, Edvan Marcelo, do Núcleo de Imunização da prefeitura, disse que as doses enviadas no primeiro lote representam mais de 10% da meta de vacinar 90 mil pessoas até o dia 22 de maio, quando termina a campanha. “O Ministério da Saúde sempre faz a entrega das doses por etapas, mas este ano tivemos dois problemas: a campanha foi antecipada em 30 dias e teve procura desenfreada por causa do momento [pandemia de coronavírus]”, explicou.

A vacina não previne contra o novo coronavírus, mas a OMS (Organização Mundial da Saúde) recomenda a imunização como forma de proteger os idosos e os demais grupos de risco de outros vírus, como H1N1, e evitar ainda mais superlotação do sistema de saúde e consequente exposição dessas pessoas à Covid-19.

Assim que o município receber mais doses, Edvan informou que a campanha será retomada para imunização de idosos e trabalhadores da saúde. Essa primeira etapa vai até o dia 15 de abril. No dia 16 de abril começa a segunda etapa, para vacinar professores, forças de segurança, pessoas com doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais.

A terceira fase começa no dia 9 de maio, para imunizar crianças de seis meses a menores de seis anos, gestantes, mulheres até 45 dias após o parto, povos indígenas, adolescentes sob medidas socioeducativas e presos.

Cem mil doses – A Secretaria Estadual de Saúde informou que as cem mil doses da vacina contra influenza recebidas sexta-feira do Ministério da Saúde serão distribuídas aos municípios de hoje até o dia 3 de abril. Ainda não está definido que dia o município de Dourados receberá sua cota, mas a assessoria informou que equipe do Núcleo Regional de Saúde vai à Capital amanhã buscar as doses.

O público alvo em Mato Grosso do Sul representa 902.280 pessoas. A meta é vacinar pelo menos 90% dos grupos considerados de risco. No ano passado, Mato Grosso do Sul atingiu cobertura de 91,2% da meta.