ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, TERÇA  09    CAMPO GRANDE 12º

Interior

Prefeito eleito quer iniciar transição ainda nesta semana

Mesmo antes da posse, Alan Guedes quer ajudar prefeita a limpar cidade, tomada pelo mato

Por Helio de Freitas, de Dourados | 17/11/2020 08:08
Alan Guedes, atual presidente da Câmara e prefeito eleito (Foto: Divulgação)
Alan Guedes, atual presidente da Câmara e prefeito eleito (Foto: Divulgação)

O prefeito eleito de Dourados Alan Guedes (PP) quer iniciar o mais rápido possível a transição para a nova administração. Apesar de a atual prefeita, Délia Razuk (sem partido), ainda não ter nomeado equipe para coordenar o procedimento, o eleito no domingo (15) afirma que define os nomes do seu time de transição ainda nesta semana.

Atual presidente da Câmara de Vereadores, Alan Guedes derrotou nas urnas o deputado estadual José Carlos Barbosa, o Barbosinha (DEM), que disputou a eleição com apoio de outros oito partidos, entre os quais o PSDB do governador Reinaldo Azambuja.

O prefeito eleito afirma que o tempo é curto, pois são menos de 45 dias até a posse, mas se diz confiante de que não terá problemas com a atual administração. “Hoje [ontem] recebi ligação da prefeita Délia Razuk se colocando à disposição”, afirmou.

Preocupação manifestada por Alan Guedes é com a limpeza pública da cidade. Galhos e árvores derrubados pelos dois temporais que atingiram a cidade em menos de 15 dias entre os dias 26 de outubro e 8 de novembro ainda continuam nas ruas.

Se não bastassem os estragos do temporal, o mato toma conta de parques urbanos, de áreas públicas nos bairros e até de canteiros da área central.

Desde 20 de setembro a prefeitura está sem prestador de serviço de limpeza pública. O contrato com a empresa Litucera Limpeza e Engenharia, de Vinhedo (SP), acabou e o município não conseguiu fazer outra licitação.

A empresa apontou irregularidades no processo e conseguiu suspender a licitação através de liminar do conselheiro Jerson Domingos, do TCE (Tribunal de Contas do Estado). Sem equipes próprias suficientes para cuidar da limpeza, a prefeitura não dá conta nem mesmo de cortar o mato.

Para Alan Guedes, manter a cidade limpa nesses últimos 45 dias do ano precisa receber atenção de todos. “Semana passada solicitei apoio da Agesul, mesmo sabendo que não é a principal atividade, mas a Secretaria Estadual de Infraestrutura pode contribuir e vamos tentar com o Estado. Vamos contribuir com a prefeita para termos a cidade mais limpa e organizada para o Natal”, afirmou Alan Guedes.

Nos siga no Google Notícias