ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SEGUNDA  26    CAMPO GRANDE 31º

Interior

Réu que fez criança rezar "Pai Nosso" antes de assassinato pega 18 anos

Ivan Alyffer obrigou garoto de 11 anos a fazer oração e depois deu tiro no abdômen do menino

Por Adriano Fernandes | 24/06/2021 19:57
Ivan Alyffer Albuquerque Rocha está preso desde o crime. (Foto: Reprodução/Região News)
Ivan Alyffer Albuquerque Rocha está preso desde o crime. (Foto: Reprodução/Região News)

Levado a julgamento nesta quinta-feira (24), Ivan Alyffer Albuquerque Rocha, 25, Foi condenado a 18 anos e 8 meses de prisão pelo assassinato de Luis Otávio Santana de Lima, de apenas 11 anos. Ivan obrigou a criança a se ajoelhar e rezar um Pai Nosso, antes de matá-lo com um tiro de espingarda no abdômen.

O crime aconteceu na tarde de um sábado, dia 8 de junho de 2019 na Fazenda Furnas, área rural de Sidrolândia, distante 71 quilômetros de Campo Grande. Ivan está preso desde o crime no IPCG (Instituto Penal Campo Grande), mas foi levado até o município vizinho para acompanhar a sessão de julgamento, nesta tarde. Ele foi condenado pelo crime de homicídio, qualificado por motivo torpe e recurso que dificultou a defesa da vítima.

O crime - Ivan havia levado Luís e o irmão da vítima, de 13 anos, para pescar jacaré na fazenda. No retorno do passeio, o criminoso obrigou o garoto a se ajoelhar e rezar a oração do Pai Nosso. O menino obedeceu e na sequência ainda foi chamado de "vagabundo". Ao tentar alcançar o irmão, o garoto foi segurado pelo braço pelo atirador e baleado no abdômen com um tiro de espingarda calibre 22.

Após o disparo, Ivan tentou fugir em meio à vegetação, mas foi contido pelos moradores do entorno. À polícia ele disse que o disparo foi acidental, no entanto, conforme a denúncia do Ministério Público Estadual Ivan teria atirado no garoto para se vingar da mãe do menino, por achar que ela é quem teria o denunciado à polícia, um ano antes do crime, quando ele agrediu a esposa, que à época tinha apenas 16 anos.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário