A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

16/04/2012 08:39

Leitores duvidam de eficácia de lei contra venda de bebida a menores

Fabiano Arruda

Para 56,26% dos leitores que participaram de enquete do Campo Grande News na última semana, a lei estadual que prevê multa de mais de R$ 8 mil para quem vende bebida a menores de 18 anos não vai surtir efeito.

Outros 43,74% disseram acreditaram que a legislação será eficiente.

No dia 26 de março, o governador André Puccinelli (PMDB) sancionou a lei. Embora a proibição já esteja expressa no ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente), que considera crime a venda de bebidas alcoólicas a menores de 18 anos, a lei traz a multa pesada como principal novidade.

Nesta semana, a nova enquete pergunta: “Você concorda com a decisão do STF (Supremo Tribunal Federal) que permite o aborto de fetos sem cérebro?”.

Na semana passada, o Supremo decidiu, após dois dias de julgamento, que a mulher tem direito de interromper a gravidez de fetos anencéfalos sem que a prática configure crime.



Deveria haver uma campanha contra bebidas alcoolicas como ocorre contra o tabaco. Não sou favorável ao hábito de fumar, mas o mal que a bebida alcoolica causa é muito maior, acidentes graves no trânsito, violência doméstica, doenças , enfim é triste que as autoridades não promovam uma campanha forte contra o alcool. Não adianta proibir o menor comprar se seu pai ou irmão mais velho compra.
 
Wagner Allem Estigarrivio em 18/04/2012 05:12:56
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions