A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 14 de Dezembro de 2018

15/05/2009 17:33

Moradores protestam contra excesso de velocidade em via

Redação

Moradores do Jardim Botânico, na saída para São Paulo, realizaram manifestação, hoje à tarde, contra o excesso de velocidade e falta de sinalização na Avenida Gaspar Lemos.

O estopim da revolta foi o atropelamento de três estudantes, quando voltavam da Escola Municipal Abel Freire Aragão, na tarde de anteontem.

Segundo a presidente da Associação do Moradores, Zenir Santana Durão, 37 anos, vários ofícios solicitando sinalização foram feitos à prefeitura de Campo Grande, mas nenhuma providência foi tomada. Ela disse que qualquer medida, como a instalação de quebra-molas solucionaria o problema.

"Qualquer hora vão matar uma criança", alertou a comerciante Eliane Firmino Sanches Peixoto, 35, mãe do adolescente Kaike Sanches Peixoto, 15, uma das vítimas do acidente na quarta-feira.

Já o gari aposentado Paulo Teodoro dos Santos, 80, perdeu a perna esquerda após ser atropelado por um ônibus em maio de 2007. "Se tivesse sinalização, meu pai não teria sido atropelado", lamentou a filha do aposentado, Raquel dos Santos, 43. Na ocasião, ele estava indo para o trabalho.

Para a vendedora Rose Ferreira Martins, 41, a via, que divide os bairros Jardim Botânico e Andorinha e dá acesso ao Colibri, se tornou "pista de corrida. "Os carros trafegam em alta velocidade porque falta sinalização", ressaltou a diarista Glauce Franco Rodrigues Dias, 34.

Após o protesto hoje, os moradores decidiram encaminhar o pedido de audiência com o prefeito Nelsinho Trad (PMDB) e realizar um abaixo-assinado. Em média, os moradores destacaram que ocorre de três a quatro acidentes por semana nesta avenida.

MEC vai propor nova estrutura para cursos de pedagogia
O Ministério da Educação (MEC) vai encaminhar ao Conselho Nacional de Educação (CNE), na próxima semana, uma proposta de modificação dos cursos de pe...
Motoristas envolvidos em contrabando terão habilitação cassada
O motorista que for condenado por dirigir veículo usado para receptação, descaminho ou contrabando de mercadorias terá sua carteira de habilitação ca...
STF decide que Ministério Público pode cobrar multas de ações penais
O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (13) que o Ministério Público tem competência para ajuizar ações de cobrança de multas definidas em con...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions