A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

31/03/2009 15:56

Morte de ex-secretário de Caracol tem vários suspeitos

Redação

O esclarecimento do assassinato do ex-secretario de Finanças de Caracol, Washington Ibanhes Sousa, morto ontem de manhã, fica mais complicado. O principal suspeito, um homem conhecido com Arlei Jarson, não foi reconhecido por nenhuma das testemunhas do crime e outros suspeitos estão surgindo, segundo informou a Polícia Civil.

Ontem, após o crime, a Polícia fez diversas diligências para encontrar o suposto autor. Há a suspeita de que Arlei teria fugido para o Paraguai, pois a fronteira com o país vizinho fica a menos de cinquenta quilômetros.

Conforme a Polícia, além de não conseguir uma identificação positiva do suspeito, os policiais trabalham com a hipótese de que o autor do crime possa ser outra pessoa, pois a vítima devia para muitas pessoas na cidade.

Washington foi assassinado com um tiro na cabeça, havia também uma um ferimento de bala em seu braço. Ele tinha saído da prefeitura e estava indo para casa quando o crime aconteceu. Testemunhas dão conta de que o assassino fugiu em uma moto que já esta escondida em uma mata próxima ao local.

Ontem, policiais militares de Bela Vista e do DOF (Departamento de Operações de Fronteira) ajudaram a procurar por Arlei, que estaria escondido em uma fazenda da região.

Washington foi presidente do Simtrac (Sindicato Municipal dos Trabalhadores de Caracol), e foi expulso da entidade sindical depois de ter seu nome envolvido em um escândalo de desvio de aproximadamente R$ 10 mil que pertenciam à instituição.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions