A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

31/05/2016 10:33

MPE cobra de Estado e município articulação para obter vacina e remédio

Fernanda Mathias
MPE quer que governo e Prefeitura informem o que é feito para obter vacinas e tamiflu junto ao Ministério (Foto: Fernando Antunes)MPE quer que governo e Prefeitura informem o que é feito para obter vacinas e tamiflu junto ao Ministério (Foto: Fernando Antunes)

O MPE (Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul) informou que fez recomendações às secretarias municipal e estadual de Saúde para que façam gestão junto ao Ministério da Saúde no sentido de conseguir mais doses da vacina contra o vírus H1N1, causador da chamada gripe A e também do remédio usado para tratamento, o tamiflu, que é racionado.

A recomendação, feita no último dia 25, quarta-feira, também prevê campanhas de conscientização em escolas, creches e outros pontos de concentração, como terminais de ônibus e dá prazo de 10 dias para cumprimento.

Prefeitura e Estado devem executar e/ou intensificar campanha para alerta, conscientização e orientação aos alunos, docentes ou responsáveis por berçários, creches municipais, terminais de ônibus, centro de convivência e casa-lar de idosos de Campo Grande acerca da importância da prevenção, por meio de cuidados de higiene e demais medidas de proteção individual, quanto à contaminação pelo vírus influenza.

“Para fazer a recomendação, a Promotora de Justiça levou em consideração o crescente número de casos confirmados de infecção pelo vírus influenza A e B, bem como de óbitos por decorrência dessa infecção”, informa o MPE. Também leva em conta que a quantidade de óbitos por influenza em Mato Grosso do Sul, supera os números de mortes ocorridas em 2015, de 7 óbitos, com 20 óbitos já confirmados até 17 de maio de 2016.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions