A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

25/01/2013 12:29

MPF vai investigar rigor no controle de infecção hospitalar em MS

Aline dos Santos

O MPF (Ministério Público Federal) vai investigar o cumprimento da lei para implantação de coordenações de infecção hospitalar e a divulgação dos indicadores epidemiológicos dos casos em Mato Grosso do Sul.

Serão encaminhados ofícios à SES (Secretaria Estadual de Saúde) e à Sesau (Secretaria Municipal de Saúde de Campo Grande).

O MPF que saber se foi implantada a Coordenação Estadual de Controle de Infecção Hospitalar; se há o acompanhamento, avaliação e divulgação dos indicadores epidemiológicos de infecção hospitalar no Estado; se os hospitais do Estado que possuem Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH) implantadas; e quais notificam as infecções hospitalares.

Conforme a procuradora Analícia Ortega Hartz, as secretarias têm prazo de dez dias para responder ao Ministério Público Federal. O Sinais (Sistema Nacional de Informação para o Controle de Infecções em Serviços de Saúde) foi criado em 2004.

No começo de 2012, relatórios da Vigilância Sanitária Municipal indicavam risco de infecção em 11 hospitais - públicos e particulares - de Campo Grande. Os dados foram solicitados pelo MPE (Ministério Público do Estado).

Dentre as irregularidades encontradas, estavam falta de controle do uso de antibióticos, problemas com limpeza, armazenamento irregular de medicamentos, luvas a serem usadas armazenadas em recipientes abertos e falta de mapeamento quando detectada alguma bactéria.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions