A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

17/10/2016 19:30

Nova etapa da Caravana da Saúde terá atendimento específico para mulheres

Governo do Estado também irá buscar parceria com o Hospital de Câncer de Barretos para realizar os atendimentos

Nyelder Rodrigues e Mayara Bueno
Governador e secretário falaram sobre atendimento especial da Caravana em 2017 (Foto: Alcides Neto)Governador e secretário falaram sobre atendimento especial da Caravana em 2017 (Foto: Alcides Neto)

O atendimento preventivo às mulheres será uma das prioridades da nova etapa da Caravana da Saúde, que deve ser realizada em 2017 em todo o Mato Grosso do Sul pelo Governo do Estado. O anúncio foi feito pelo governador Reinaldo Azambuja (PSDB) durante a inauguração de parte dos leitos do novo Hospital de Câncer em Campo Grande.

De acordo com Reinaldo, em discurso feito para todo o público presente no hospital, exames preventivos como o de colo de útero serão oferecidos durante a segunda fase do programa, carro chefe do Estado.

"É um projeto fantástico e que visa zerar a fila de pessoas que esperam o exame de colo de útero, mamografia, exames preventivos para as mulheres", explica o secretário estadual de Saúde, Nelson Tavares, acrescentando que uma demanda espontânea também deve ser atendida pela Caravana.

Tavares frisa que a segunda etapa do Caravana da Saúde já foi aprovada pelo governador, faltando apenas acertar detalhes. O foco principal será a reestruturação nas unidades de saúde já existentes, com aquisição de novos equipamentos, mas o atendimento especial às mulheres e a realização de cirurgias eletivas também estão no programa.

"A ideia é que tenha alguns centros no Estado com capacidade de atender todas as mulheres que estejam dentro da idade em que é recomendado fazer esses exames preventivos. Queremos justamente prevenir e detectar as doenças já no começo", argumenta o secretário de Saúde.

O Governo do Estado também deve tentar que, se um câncer for detectado durante esses exames, a paciente já tenha garantido também a realização de radioterapias. Para isso, parceiros são buscados, faltando fechar detalhes com alguns. O Hospital de Câncer de Barretos é dos que o Governo vai se reunir.

"Vamos usar o day clinic [termo usado para procedimentos realizados em centro cirúrgico e que não há necessidade de internação do paciente após operado], como por exemplo nos casos de pessoas com varizes. Elas poderão ser operadas e em um já dia voltarem para casa", comenta Tavares.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions