A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

27/09/2010 09:00

Nova fase do PAC traz R$ 350 milhões para Campo Grande

Redação

A execução do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) Social e a segunda parte do PAC trazem investimentos de quase R$ 350 milhões para Campo Grande.

O PAC Social investe na construção de Ceinfs (Centro de Educação Infantil), UBS (Unidades Básicas de Saúde), UPAs (Unidades de Pronto Atendimento) e praças, de acordo com informações do prefeito Nelsinho Trad (PMDB).

São investimentos voltados para a qualidade de vida nas grandes cidades e beneficia mais de 30 bairros. As propostas foram enviadas para o governo federal respeitando diversos critérios sociais, como a vinculação como Minha Casa, Minha Vida e totalizam R$ 45 milhões.

Entre as propostas aprovadas, há três praças de 7 mil metros quadrados para os bairros São Conrado, Noroeste e Parque do Sol.

Cada praça custará R$ 3,3 milhões e contará com: anfiteatro; biblioteca; Cras (Centro de Referência de Assistência Social); pista de caminhada, pista de skate; aparelhos de ginástica; cineteatro e outros componentes.

A localização das praças foi definida para reforçar a presença do poder público nas regiões e fornecer esporte e lazer à população. Titulares das secretarias de Educação, Saúde, Cultura, Esporte e Assistência Social apresentaram o levantamento geral de demandas por regiões da Capital ao prefeito.

As duas UPAs serão instaladas na região do Jardim da Lapa, para desafogar o Posto de Saúde 24 horas do Guanandi e reforçar a regiao e na Vila Popular, onde também será instalado o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) metropolitano, para atender as regiões periféricas.

Cada UPA receberá R$ 2 milhões para a construção e R$ 600 mil para equipamentos.

Quanto as UBS, serão 13 unidades, nos bairros: Aero Rancho, Ana Maria do Couto, Arnaldo Estevão Figueiredo, Azaléia, Cristo Redentor, Jardim Presidente, Nova Jerusalém, Paulo Coelho Machado, Recanto Gaúcho, Sírio Libanês, Vila Cox/Santa luzia, Vila Fernando e Zé pereira.

Serão 19 novos Ceinfs incluídos no pacote. Número superior a todos construídos na gestão do prefeito Nelsinho Trad, de acordo com o próprio.

O investimento será de R$ 20 milhões de reais e os Ceinfs atenderão os bairros: Anache, Betaville, Canguru, Jardim Centenário, Inapólis, Moema/Perdizes, Moreninha 4, Nascente do Segredo, Vila Nasser, Jardim Noroeste, Oiti, Oliveira, Popular, Santa Emília, São Conrado, Tijuca II, Vespasiano Martins, Vida Nova 3 e Zé Pereira. Os locais foram escolhidos levando em conta a demanda e reivindicações dos Conselhos Regionais de cada bairro.

Cada secretaria municipal elaborou propostas e apresentou com os devidos critérios do governo federal. Todas as áreas para cada obra estão reservadas, de acordo com o secretário de governo Rodrigo Aquino.

PAC 2

Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...
MEC deve homologar Base Comum Curricular na próxima quarta-feira
O Ministério da Educação informou que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada hoje (15) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), deve ser ...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions