A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

07/07/2008 10:20

Novas provas levam 6 à prisão por morte de empresário

Redação

Novas provas sobre o assassinato do pecuarista e empresário Alcir Pedro Arantes, ocorrido em 2006, levaram à prisão na semana passada de seis acusados do crime. A polícia investiga ainda a participação de um policial da 1ª Delegacia de Campo Grande.

Dois deles, Cyntia Carvalho Martins, 34 anos, que seria a mandante, e o advogado Gilson Gomes da Costa, 48 anos, já haviam sido presos em 2006. Cynthia havia sido denunciada à Justiça, mas o juiz do caso, Aluisio Pereira dos Santos, entendeu que não havia provas suficientes e impronunciou. O processo foi então arquivado. Gilson não chegou a ser réu.

Em abril deste ano, o advogado Silvio Pedro Arantes, irmão de Alcir, recebeu uma denúncia por telefone relatando a participação dos suspeitos. Na denúncia, o interlocutor dizia que uma pessoa que estava presa no Estabelecimento Penal de Segurança Máxima tinha sido o autor dos disparos que mataram Alcir.

Silvio então fez um requerimento com base na denúncia e encaminhou ao governador André Puccinelli (PMDB). O documento foi recebido pelo próprio governador, que o encaminhou ao secretário de Justiça e Segurança Pública, Wantuir Jacini, que determinou que o caso fosse encaminhado à Polícia Civil e novamente investigado.

O Garras assumiu a investigação, que em 2006 foi feita pela 1ª Delegacia, e chegou a mesma conclusão sobre o motivo do crime, bem como sobre a mandante. No entanto com mais provas, conseguiu esclarecer a participação de cada um dos acusados e fazer as prisões.

Novidades - De acordo com o delegado Luís Carlos da Silva Rodrigues, através das informações passadas por João Batista Domingos, 50 anos, conhecido como

Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...
MEC deve homologar Base Comum Curricular na próxima quarta-feira
O Ministério da Educação informou que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada hoje (15) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), deve ser ...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions