A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

20/10/2009 15:07

Pastor diz que família está possuída pelo diabo e ameaça

Redação

Obrigado a se afastar da igreja evangélica localizada na Vila Bandeirantes, após ser acusado de assediar garotos de 7 a 17 anos de idade, o pastor de 47 anos passou a ameaçar os pais, a irmã e tios da vítima. O caso foi registrado na 6ª Delegacia da Polícia Civil.

Conforme a denúncia, o evangélico enviou mensagens para os celulares dos familiares do garoto. Ele os chama de "Satanás" e que "o que é deles está guardado". Uma das mulheres passou a ser chamada de "biscatinha" pelo pastor.

Ele chegou a mandar mensagens para o orkut do adolescente, que foi vítima do assédio e do abuso sexual. "Prefiro que Deus me leve do que ver você mentir pois aí terei que fazer algo que não quero, te amo, você sempre será meu filho", teria destacado o líder evangélico, que foi afastado após as denúncias.

Demônio

STF tem maioria a favor de delação negociada pela Polícia Federal
O Supremo Tribunal Federal (STF) formou hoje (13) maioria para manter a autorização legal para que a Polícia Federal (PF) possa negociar delações pre...
UFGD oferece vagas em 36 cursos de graduação pelo Sisu
A UFGD (Universidade da Grande Dourados) está ofertando 944 vagas em 36 cursos de graduação para o Sisu (Sistema de Seleção Unificada). As inscrições...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions