A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 14 de Dezembro de 2018

15/07/2009 14:51

Prefeitura aciona 107 para desapropriar área do Cabaça

Redação

A Prefeitura Municipal de Campo Grande recorreu à Justiça para concluir o processo de desapropriação da área onde será construída uma avenida marginal e o parque linear no Córrego Cabaça, na Vila Carlota, em Campo Grande. A previsão do poder público é depositar R$ 3,8 milhões em juízo para concluir o processo e dar início ao empreendimento no próximo mês.

A ação de desapropriação foi ingressada pelo procurador-geral do Município, Ernesto Borges Neto, na 3ª Vara de Fazenda Pública. A prefeitura se dispõe a pagar R$ 3.882.948,61 para 107 pessoas, incluindo-se pessoas físicas, como os empresários João e Ueze Elias Zahran, e empresas, como MC Vaquero Empreendimentos Imobiliários e Transportes Paulo Raf, entre outros.

Segundo o secretário municipal de Governo, Rodrigo de Paula Aquino, houve acordo com 50% dos proprietários de áreas na região a ser desapropriada. A ação judicial é para concluir o processo com quem houve litígio ou depende de inventário.

A obra

MEC vai propor nova estrutura para cursos de pedagogia
O Ministério da Educação (MEC) vai encaminhar ao Conselho Nacional de Educação (CNE), na próxima semana, uma proposta de modificação dos cursos de pe...
Motoristas envolvidos em contrabando terão habilitação cassada
O motorista que for condenado por dirigir veículo usado para receptação, descaminho ou contrabando de mercadorias terá sua carteira de habilitação ca...
STF decide que Ministério Público pode cobrar multas de ações penais
O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (13) que o Ministério Público tem competência para ajuizar ações de cobrança de multas definidas em con...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions