A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

24/09/2008 12:24

Retirar queixa não cancelará ação de violência doméstica

Redação

A Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça concluiu que autores de violência doméstica contra mulheres podem ser processados pelo Ministério Público independentemente de autorização da vítima.

Em recurso especial dirigido ao STJ, o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios protestava contra o trancamento da ação penal contra o agressor E.S.O., do Distrito Federal. Após a retratação da vítima em juízo, que afirmou não querer mais mover ação criminal contra o agressor, o TJDFT (Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios) trancou a ação, afirmando que não haveria justa causa para o seu prosseguimento.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions