A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 15 de Agosto de 2018

22/10/2010 10:14

Rota para Pantanal, BR terá cercas para proteger bichos

Redação

Caminho para o Pantanal, a BR-262 vai ser a primeira rodovia ecológica do Brasil. Para evitar que os animais sejam atropelados ao cruzar a pista, serão criados pontos para passagem de fauna, além do cercamento de 26 km às margens da rodovia, na região do Buraco das Piranhas. As principais "vítimas" são os tamanduás e cachorros do mato.

Segundo o superintendente do Ibama/MS, David Lourenço, as medidas para proteger a fauna são exigências do órgão ambiental para obras do DNIT na BR-262 e devem ser implantadas dentro de dois anos.

"As medidas fazem parte das condicionantes da licença de instalação e foram elaboradas em parceria com a Embrapa, universidades e especialista", explica.

O trecho entre Miranda e Corumbá vai receber o maior número de passagens de fauna e terá velocidade máxima de 80 km/h. Serão 50 pontos para que os animais passem por debaixo das pontes, por onde correm rios e corixos.

"Terá cercamento 300 metros antes e depois de cada pontilhão". Com 1 metro e meio de altura, o alambrado vai impedir a passagem dos animais. Com a barreira física, os bichos devem procurar outro ponto de passagem, rumando para as margens dos cursos de água.

Antes dos pontilhões, serão instalados sinalizadores sonoros para alertar os motoristas. O projeto também prevê que as armadilhas eletrônicas sejam colocadas próximas a algumas pontes, para monitorar se os animais vão utilizar o novo caminho.

"Também vai servir para catalogar e quantificar as espécies", afirma o superintendente do Ibama. Em menor número, também haverá passagens de fauna no trecho entre Aquidauana e Miranda.

Região mais alagada, o Passo do Lontra terá 26 km cercados com alambrado. Com a cheia, os animais buscam a regiões mais altas e acabam chegando à rodovia. "

Mais de cem empresas são notificadas por não cumprirem lei de aprendizagem
Mais de cem empresas foram notificadas por não cumprem a Lei de Aprendizagem em Mato Grosso do Sul. Segundo a Superintendência Regional do Trabalho, ...
Universidades terão incentivo de R$ 10 milhões a projetos de combate a obesidade
Chamada pública do Ministério da Saúde incentiva universidades públicas e privadas a desenvolver projetos com ações de prevenção, diagnóstico e trata...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions