A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 14 de Dezembro de 2018

06/07/2009 17:09

Servidora ganha na Justiça licença de 180 dias

Redação

Assistente administrativo da Sejusp (Secretaria Estadual de Justiça e Segurança Pública, Edilza Santos de Paula, 37 anos, ganhou na Justiça o direito a licença maternidade de seis meses.

Ela obteve liminar após ingressar com mandado de segurança no TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), que acatou o argumento de que a Lei 11.770/08 deve abranger todas as servidoras públicas, sem distinção.

A luta de Edilza começou em 26 de dezembro deste ano, quando nasceu o seu quarto filho, Kaio. Prematuro, ele chegou a ficar alguns dias internados na UTI Neo-natal.

No terceiro mês da licença, ela fez o pedido administrativo à secretaria para prorrogar o afastamento por mais dois meses com base na lei federal. O pedido foi indeferido.

Após a publicação do resultado no Diário Oficial do Estado, Edilza de Paula procurou a Defensoria Pública. O defensor público Paulo André Defante ingressou com mandado de segurança no Tribunal de Justiça. O desembargador Divoncir Schreiner Maran concedeu a liminar no início de maio deste ano.

Discriminação

MEC vai propor nova estrutura para cursos de pedagogia
O Ministério da Educação (MEC) vai encaminhar ao Conselho Nacional de Educação (CNE), na próxima semana, uma proposta de modificação dos cursos de pe...
Motoristas envolvidos em contrabando terão habilitação cassada
O motorista que for condenado por dirigir veículo usado para receptação, descaminho ou contrabando de mercadorias terá sua carteira de habilitação ca...
STF decide que Ministério Público pode cobrar multas de ações penais
O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (13) que o Ministério Público tem competência para ajuizar ações de cobrança de multas definidas em con...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions