A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

22/01/2016 08:30

Servidores do Estado que irão atuar como agentes de saúde iniciam capacitação

Flávia Lima
Servidores também receberão tablets e smartphones para anotar as situações encontradas. (Foto:Divulgação) Servidores também receberão tablets e smartphones para anotar as situações encontradas. (Foto:Divulgação)

Os servidores da administração estadual que irão atuar nas secretarias e órgãos do governo dando suporte às ações de combate à dengue, já iniciaram a capacitação,ministrada pelos técnicos que compõem a Sala de Situação, responsável pelo monitoramento da epidemia de dengue em Mato Grosso do Sul.

Mais de 20 pessoas participaram da primeira reunião, que apresentou o sistema de operação utilizado pelos profissionais que atuam na sala, além da estratégia a ser utilizada para as notificações referentes a possíveis focos do mosquito Aedes Aegypti.

O projeto do agente de controle do mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya, tem como objetivo direcionar um coordenador em cada secretaria estadual e suas instituições agregadas. Ele irá receber as informações e denúncias sobre locais com focos dentro de suas pastas e as repassa para a Sala de Situação.

“Para que haja esta parceria e mobilização de cada secretaria de estado é importante que cada agente tenha conhecimento da situação sobre as doenças transmitidas pelo Aedes Aegypti no estado. Além disso, cada agente conhecerá o nosso modo de operação para o registro de informações utilizando o sistema da sala de situação”, disse a coordenadora da Sala de Situação, Fátima Cheade.

A ideia é que os servidores que realizaram a capacitação comecem a atuar na próxima semana.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions