A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 22 de Setembro de 2018


  • De olho na TV
  • De olho na TV

    com Reinaldo Rosa


05/07/2018 14:23

Campanha tira vozes do rádio

Reinaldo Rosa

GASTANDO SOLA DE SAPATO – Longe dos microfones por força de lei eleitoral, radialistas de Dourados sentem o peso da igualdade de condições concorrencial. O vereador Marçal Filho, desde sempre, busca respirar os ares da Assembleia Legislativa e Antonio Neres deseja o planalto central.

PASSA TALCO QUE PASSACopa do Mundo sempre teve a participação de certa multinacional nas supervalorizadas quotas de anunciantes da rede Globo. Com publicidade da empresa atualmente no ar, emissora subvaloriza a citação da quotista em escândalo da Lava Jato.

SISTEMA DIGITAL – Dentro ou fora do ar, certos homens de comunicação usaram o rádio –e televisão- em benefício próprio e de familiares. O programa ‘O Povo na TV’ (o original) revelou o paladino apresentador Roberto Jefferson. E todos sabem no que deu. E ainda dá.

SÓ NA BOA – Paternalista Luciano Huck mostra sua cara; só tomará posição quanto a quem apoiar na corrida presidencial apenas no segundo turno das eleições. E penderá àquele que estiver com maiores chances de vitória. Claro.

INFIDELIDADE FIEL – Radialista exalta musical “surpreendente” ao sintonizar emissora concorrente à sua empregadora. A democracia do profissional –e do rádio- presente em nossas vidas. É nóis.

VIDA CURTA – Prevaleceu o bom senso. Parece. Aquelas “aulinhas de russo” protagonizadas por Galvão Bueno saiu do ar.

VC NA COLUNA – “Piadista de plantão soube de colegas jornalistas que o MPE Gaeco está virando sucursal de uma importante emissora de TV pois a exclusividade de informação está cada vez mais evidente. Tem casos que as equipes chegam às cidade até mesmo antes das viaturas com os agentes”. Laureano Secundo

VC NA COLUNA II – “A migração das AM para FM fez ressurgir a rádio Difusora Paranaibense. Novos equipamentos fazem emissora ser ouvida em MG, GO, SP e MS”. Roberto Chamorro

RODA E AVISA – O apresentador José Luiz Datena entra no ar da política, cuja classe sempre detonou. Filiou-se ao Democratas –DEM- por uma vaga ao senado, por São Paulo e já mandou recado; isso é só o começo. Acreditando na força do rádio e TV mira o Planalto Central.

As entrevistas e as oportunidades
ENTRA E SAI - Jornalista Laureano Secundo faz plantão na série de entrevistas com candidatos ao governo e Senado no ‘Noticidade’, da Cidade FM, de Ca...
A disputa pelo horário eleitoral
SONHO MEU – Potenciais candidatos à presidência digladiaram-se por apoio do adesista ‘Centrão’, de olho no tempo de TV no horário político. Pesquisas...
O eterno reino do futebol nacional na tevê local
FLA-FLU - O esporte em Mato Grosso do Sul coloca-se em lugar deprimente na tábua de classificação na mídia -televisiva e radiofônica- local. Raros es...
11 de setembro é "ignorado"
PAUTA LIXO – Imprensa mundial dá sinais de que até as importantes notícias (e/ou fatos) o tempo se responsabiliza por mandá-las para a "cesta seção",...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions