A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 14 de Outubro de 2019


  • De olho na TV
  • De olho na TV

    com Reinaldo Rosa


11/04/2018 11:24

Nova rádio privilegia "enlatados" nacionais

Reinaldo Rosa

GLOBO FM – O restrito horário para o ‘Café das Seis’ -noticioso sobre realidade de Mato Grosso do Sul- é a maior reclamação de ouvintes da Globo FM. Grade de programa do tipo ‘x-tudo’, musicais (repetitivos) e informações privilegiam o cenário nacional.

MAIS VOCÊ – Três Lagoas recebe especial tratamento da emissora que toca notícias, a CBN. Grupo RCN aciona sites e emissoras de rádio do conglomerado pra reforçar editoria da grife nacional recentemente aportada em Campo Grande.

O QUE TEMOS HOJE – Medalha Mérito Jornalístico ‘José Barbosa Rodrigues’ foi pródiga com jornalistas ligados a emissoras de rádio e TVs locais. Evento da Assembleia Legislativa de MS marcou a pouca participação de mulheres na atividade da informação.

ESPECIAL RC - 19 de abril, aniversário de Roberto Carlos, terá especial atenção no ‘Encontro de Gerações’, de Ciro de Oliveira, na Educativa FM 104 em homenagem ao Rei. Serão duas edições com sucessos do Rei e cantores e cantoras que gravaram suas músicas.

VEM AÍ – Lana Cânepa –que saiu da TV Morena para o mundo- registra caminhada a passos largos na Band. Bastidores da emissora dão conta que está próxima sua efetivação, ao lado de Ricardo Boechat, na bancada do ‘Jornal da Band’.

OUTRO FAUSTÃO – Quilométricas entrevistas de Otaviano Costa, na Globo FM, não são boas dicas para ouvintes mais atentos. Apresentador não faz distinção entre atividades do rádio e televisão. Trejeitos do moço no ‘Vídeo Show’ ficam no ar no programa radiofônico.

FILHOS DA PAUTA – A pergunta ‘o que temos para hoje?’ leva jornalistas a dar especial atenção para o nada. Reportagens sobre discutido lance e possível participação de pessoas alheias ao jogo do campeonato paulista é pífia. Não vai dar em nada. Choro dos inocentes.

FOI BEM – Hercúleo esforço da TV Morena (condicionada a normas da matriz Globo) registrou bom resultado. Final do campeonato sul-mato-grossense de futebol marcou boa presença de torcedores mesmo com a concorrência do jogo entre paulistas e outras capitais.

E AGORA – Aumento de desemprego é anunciado com o final do campeonato de futebol local. Cronistas esportivos ficam sem a ‘matéria prima’ para justificar presença em emissoras de rádio, que teimam em fechar os olhos para a importância –informativa e mercadológica- da atração.

E AGORA II – E a carcomida forma administrativa deste esporte em Mato Grosso do Sul expande a rede de desempregados. Jogadores ‘importados’ de outras cidades do país já receberam bilhetes de volta para seus aconchegos. Sem agenda de atividades não tem acordo.

CHEGOU – Estrear como avô não tem preço.

Mato Grosso do Sul não foi dividido
LIVE STREAMING - Para zapeadores de controle remoto à procura de atrações locais, uma dica: ‘Show da Terra’, no final de noite na TVE Educativa. Espa...
O alternativo passou a ser mais do mesmo
ENVIADO ESPECIAL – Mato Grosso do Sul tem enviado especial informal na programação do ‘Rock in Rio’ deste ano. Conhecedor da área, Eder Mosciaro emit...
Comunidade da informação teve reconhecimento
DE BRASÍLIA ÀS ORIGENS – Depois de anos no Grupo Zahran (desde os anos 90) Odacil Cânepa passará a mandar notícias dos bastidores do Planalto Central...
Fórmula de priorizar a notícia na rádio completa 28 anos
BOA IDEIA – 1º de outubro de 1991. Entrava no ar uma nova forma de fazer rádio; priorizar a notícia e fatos recentes. Versão radiofônica da televisiv...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions