A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 24 de Junho de 2017


  • De olho na TV
  • De olho na TV

    com Reinaldo Rosa


18/01/2016 11:24

Rádio de Dourados faz história

Reinaldo Rosa

TÁ CHEGANDO – Dia 31 a história da Rádio Clube de Dourados estará no ar. Um encontro relembra história da emissora, no Clube dos Vicentinos, em Dourados, iniciativa de Gilberto Orlando, uma das marcantes vozes dos áureos tempos da RCD.

GRAVADOR DE ROLO - Em almoço de confraternização, famosas vozes da época, como as de Albino Mendes, Germano Aparecido Dânsiger, do próprio Gilberto Orlando, Edgar Martins e Marco Antônio Cunha poderão ser ouvidas ao vivo.

POLÍTICA DE RÁDIO - A Rádio Clube de Dourados foi fundada em 1955, por influência dos deputados Camilo Hermelindo da Silva e Weimar Torres. A partir do momento em que Antônio Moraes dos Santos e Rachid Saldanha Dérzi assumiram a sociedade da emissora, aconteceu o início de revelações de talentos políticos da região.

VOTE EM MIM - Com o programa ‘A Bronca’, Jorge Antônio Salomão se elegeu prefeito e vários locutores também galgaram posições na política. Maçáo Tadano, foi eleito deputado estadual e federal pelo Mato Grosso; Sultan Rasslan, vereador e deputado estadual e Albino Mendes, também vereador.

REDE CONE SUL – A Rádio Clube de Dourados notabilizou-se por campanhas humanitárias arrecadando alimentos e agasalhos para catástrofes como, a mais recente, em Mariana, Minas Gerais; aos desabrigados das enchentes de Aquidauana, Cuiabá, Santa Catarina e até para o Espírito Santo. Graças a ela, surgiram as emissoras de Ponta Porã, Caarapó, Glória de Dourados, Corumbá e Itaporã. A maioria na faixa de Amplitude Modulada, algumas no ar até hoje.

RETRATO FIEL – Os verdadeiros caminhos trilhados pela primeira emissora de rádio de Dourados não pode ser confundida com ideais de alguns, atualmente. Com programas popularescos –sem compromisso com cultura dos ouvintes- proprietário de emissora concorrente busca. Novamente, unicamente respirar os ares de corredores legislativos e/ou Executivos. O que vir, bingo.

ESTAND BY ME - Ex-jornalista da rede Globo, Cláudia Cruz, tentou encaixar talk-show (mais um) na Band, Rede TV e Record. "Posso usar minha grande rede de amizades" para levar convidados de peso ao programa, garantia. Projeto foi colocado na geladeira. Motivo; ela é esposa do deputado federal Eduardo Cunha. Só por isso.

REGRA TRÊS - O nome mais comentado na Globo para assumir o posto de Monica Iozzi no "Vídeo Show" é a humorista e atriz Dani Calabresa, segundo Ricardo Feltrin, no Uol. Mesmo assim, continuaria no ‘Zorra Total’; ela subiu o nível do programa desde que chegou, ressalta.

BOM MARIDO - Outro nome correndo por fora para assumir o ‘Vídeo Show’ que pode acabar com a chance de qualquer outra candidata: Ana Furtado, mulher de Boninho e uma das apresentadoras do ‘É de Casa’. A ‘vantagem’ de Ana é que quem dirige o programa vespertino é o marido.

Na internet, grupo Acaba tem audiência cativa
MIOPIA – 66 curtidas, dez comentários, oito compartilhamentos no Facebook, incontáveis visualizações neste site Campo Grande News. Nota da coluna sob...
Grupo Acaba vive, mesmo fora da mídia
ESTAMOS JUNTOS – Mesmo ausente da grade musical da maioria de emissoras de rádios e retransmissoras de TVs locais, o Grupo Acaba vive –e sobrevive-. ...
Música regional de MS é atração rara nas emissoras locais
ESTRELAS FAZEM SINAL – Paulo Simões, Geraldo Roca, autores da música 'Trem do Pantanal', considerada hino não oficial de MS, não têm o destaque merec...
Só um 'não' ao ouvinte pode tirar rádio da mesmice
LINHA FECHADA – Quando é preciso dizer ‘não’. Difusora AM também abre espaço para atendimento de pedidos musicais dos ouvintes. Perigo à vista; maior...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions