ACOMPANHE-NOS    
MARÇO, DOMINGO  29    CAMPO GRANDE 23º

Em Pauta

Tecnologia útil: o tradutor de choro do bebê

Por Mário Sérgio Lorenzetto | 17/02/2020 06:40
Tecnologia útil: o tradutor de choro do bebê

Qual o motivo dos soluços do bebê? Tem fome, sono, está chateado? Isso é o que o tradutor de choro do bebê se propõe a responder. Ainda é um protótipo criado pela empresa Zoundream que pretende revolucionar nossa comunicação com os pequenos.
Os bebês choram, em média, de duas a três horas por dia. Até os seis meses esses choros estão relacionados a cinco necessidades básicas, com a fome, o sono, a dor, os gases e estar chateados (por exemplo, com a fralda que precisa ser trocada).

Tecnologia útil: o tradutor de choro do bebê
Tecnologia útil: o tradutor de choro do bebê

Testando a máquina tradutora.

Inúmeros testes foram realizados. Todos com sucesso. A máquina tradutora de choro de bebê estará rapidamente nos mercados. Seu funcionamento é simples, mas exige que as mães e pais suportem minimamente o pranto de seu pequeno. O dispositivo é ativado com quatro segundos de choro, na tela aparece: "Checking audio". O primeiro algoritmo descobrirá se realmente é um choro de seu bebê ou um som similar como o do televisor.

Tecnologia útil: o tradutor de choro do bebê

As cinco traduções.

Passados dez segundos de choro, aparece a resposta do segundo algoritmo. A tela negra do artefato se ilumina e aparece o desenho de uma mamadeira junto à palavra "hungry". O nenê têm fome. Em seguida, traduzido o choro, ele come como um campeão. Volta o silêncio.
Passado algum tempo, volta o choro. Na tela aparece uma meia lua e a palavra "sleep". Está na hora de dormir. O artefato reconhece uma dor de barriga (uma nuvem com relâmpagos e a palavra "stomach pain"), a necessidade de arrotar (um babador e a palavra "burp") e um incômodo (uma fralda e a palavra "discomfort").
A empresa está trabalhando com a angústia da separação da mãe, o medo e a mera chateação. Mas isso normalmente só aparece após os 6 meses.