A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 24 de Setembro de 2018

04/09/2018 16:33

Entrega de materiais no presídio tem fila, reclamação e tumulto

Familiares enfrentaram dificuldades para deixar pertences para os detentos na tarde desta terça-feira

Gabriel Neris
Familiares aguardavam a liberação de entrega de pertences para os detentos (Foto: Reprodução)Familiares aguardavam a liberação de entrega de pertences para os detentos (Foto: Reprodução)

Familiares de detentos estão enfrentando dificuldades nesta terça-feira (4) para deixar pertences no Presídio de Segurança Máxima de Campo Grande. A fila em frente ao local, provocada pela demora na entrega dos materiais, gerou reclamação e tumulto.

Imagens feitas por uma visitante mostram mulheres, idosos e até crianças aguardando para entrar e deixar os pertences aos detentos (assista abaixo). Segundo ela, cerca de 50 pessoas ainda aguardam no local durante à tarde.

Procurada, a assessoria de imprensa da Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) informou que o recebimento dos pertences segue em andamento e que deve atender toda a demanda.

“A demora no recebimento é por conta do grande volume de pessoas que entregaram pertences hoje na unidade, já que é necessária a realização de vistorias”, diz nota da Agepen.

Segundo a Agepen, o horário de funcionamento é de acordo com a demanda, mas costuma encerrar por volta das 15h. Quando há escolta de presos, conforme a Agepen, também há atraso na autorização para entrega dos pertences.

Direto das Ruas - O vídeo chegou ao jornal por meio do Direto das Ruas, canal de interação do leitor com a redação do Campo Grande News. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99955-2040, pela ferramenta Fale Conosco ou por mensagem enviada via Facebook.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal.

Veja o vídeo:



Faz-se uma lista com o tal de presos. Por exemplo 140 presos. Divide- esse número pelo número de dias da semana " por exemplo" sete e teremos como resultado o número 20 ou seja diariamente somente e somente aqueles 20 presos poderão receber os seus pertences. Aí alguém vai dizer ah mas eu só posso ir no presídio no domingo. Problema seu. Inocente o seu preso não é. Simples assim.
 
Alex André de Souza em 04/09/2018 21:30:22
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions