A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 17 de Outubro de 2019

10/05/2019 11:35

Ingá de quase dez metros pode destruir muro e pintor pede corte, no Guanandi

Marcos de Oliveira diz que a árvore está podre e tem medo que caia em seu quintal

Alana Portela
Imagem da árvore em 2017 mostra o formato de Y e os fios de energia no meio dos galhos (Foto: Google Maps)Imagem da árvore em 2017 mostra o formato de Y e os fios de energia no meio dos galhos (Foto: Google Maps)

O pé de Ingá de quase dez metros assusta o pintor, Marcos de Oliveira, 45 anos, que tem medo que a árvore destrua seu muro e até mesmo a casa onde mora no bairro Guanandi. O ingazeiro que tem formato de Y está localizada na rua Antônio Siuf com a Gabriel Cardoso de Ramalho, e é risco para quem passa na região. A denúncia é via Direto das Ruas.

“Tinham que podar com mais frequência ou cortar. O pé é muito alto e se uma parte dela cair derruba meu muro, pode até danificar minha casa ou machucar alguém na rua”, disse Marcos. O pintor mora na casa ao lado da árvore, que já quebrou um pedaço de sua calçada.

Marcos de Oliveira reclama da árvore que está ao lado de sua casa (Foto: Paulo Francis)Marcos de Oliveira reclama da árvore que está ao lado de sua casa (Foto: Paulo Francis)

Segundo ele, o Ingá está podre e por conta do formato de Y, uma parte do ingazeiro está para o lado da rua e a outra voltada para a casa do pintor. “Há quatro anos percebi que o pé vem apodrecendo por dentro, já teve galhos que caíram na rua e até no meu muro, mas não machucou ninguém. Tenho papeis de quando o fui à prefeitura solicitar o corte, porém quando estiveram aqui falaram que não tinha risco. Entretanto, agora está criando cupim”, afirmou.

A falta de iluminação também é problema no local e os dias de chuva preocupam o pintor. “O ruim é se der um temporal forte. Aqui ainda falta iluminação, os galhos atrapalham a luz do poste. Não podemos nos descuidar, pois alguém pode se esconder atrás dela para fazer algo ruim. Quando saio à noite, na volta tenho que abrir o portão da minha casa rápido”, disse.

Direto das Ruas – A situação chegou ao Campo Grande News por meio do Direto das Ruas, canal de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99955-2040, pela ferramenta Fale Conosco ou por mensagem enviada via Facebook.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal.

O tronco do ingazeiro quebrou um pedaço da calçada do pintor  (Foto: Paulo Francis)O tronco do ingazeiro quebrou um pedaço da calçada do pintor (Foto: Paulo Francis)
A árvore localizada na rua Antônio Siuf e está apodrecendo  (Foto: Paulo Francis)A árvore localizada na rua Antônio Siuf e está apodrecendo (Foto: Paulo Francis)
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions