ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SÁBADO  24    CAMPO GRANDE 23º

Direto das Ruas

Pais questionam escola depois de lanche coletivo dos alunos

Após reclamação, foto foi apagada. Escola diz que imagem é transparente e não mostra nada demais

Por Mirian Machado | 12/03/2021 17:29
Grupo de crianças lado a lado em lanche coletivo postado no Instagram da escola (Direto das Ruas/Redes Sociais)
Grupo de crianças lado a lado em lanche coletivo postado no Instagram da escola (Direto das Ruas/Redes Sociais)

Foto postada nos stories da rede social da escola Paulo Freire, na manhã desta sexta-feira (12) mostra cerca de 15 alunos do 4º ano do ensino fundamental  durante lanche coletivo, quando a orientação é manter distanciamento por causa do contágio em aceleração do novo coronavírus.

A imagem mostra que a maioria das crianças está com a máscara no queixo para que possam comer. No entanto segue sentadas próximas uma das outras.

A situação gerou revolta e a denuncia chegou ao Campo Grande News através do canal Direto das Ruas. Uma professora que dá aulas particulares, e preferiu não se identificar, contou que segue a página da escola nas redes sociais quando acabou vendo a cena pela manhã.

“Não dou aula lá, mas tenho alunos que estudam lá. Estão sem preocupação nenhuma com a covid. Na mesma hora que vi, respondi o storie da escola”, disse. Na publicação, a mulher questionou a escola se não pensavam nos avós e na família das crianças, pouco tempo depois a imagem foi excluída da página.

A mulher contou ainda que avisou a mãe de um de seus alunos e a mesma ligou na escola. “Minha filha estuda em outra escola. Uma criança de lá teve a doença. Eles cancelaram tudo até desinfectar toda a escola e afastou professores. Mas lá [Paulo Freire] pelo amo, sem nenhum cuidado”, reclamou.

A diretora da escola, Adelina Maria Avesani Spengler, afirmou que medidas de biossegurança contra o coronavírus estão sendo respeitadas.

Segundo ela, a foto é transparente e não mostra nada demais. “Não tem tumulto, é a turminha toda com separação lanchando. Não tem problema nenhum. Estão ao ar livre”, explicou.

Questionada sobre estarem juntos lado a lado, Adelina afirmou que a distancia é permitida pelo tamanho do espaço. “Não tem o que falar. A gente é muito responsável, muito cuidadoso. Isso é coisa de quem não tem o que fazer. As mães estão nos acompanhando direto, se fosse algo comprometedor, acha que a gente ia expor alguma coisa?”, questionou.

Segundo a diretora,  a escola tem dispensado alunos, pois tem mães a procurando querem levar as crianças. “Não conseguimos colocar mais ninguém. Estamos com a quantidade de criança reduzida. Além disso a escola é ampla. Tem 3 mil metros quadrados e estamos com a capacidade de menos de 50%. Os pais podem ficar tranquilos”, afirmou.

Direto das Ruas – A sugestão chegou ao Campo Grande News por meio do canal Direto das Ruas, meio de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99669-9563.

Clique aqui e envie agora uma sugestão.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal. - CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário