A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 18 de Janeiro de 2020

12/12/2019 09:39

Pais reclamam de problemas em novo sistema do passe do estudante

Ferramenta emperra no início do processo para concessão da gratuidade

Jones Mário
Mensagem acusa que nenhum registro encontrado com os dados informados (Foto: Direto das Ruas) Mensagem acusa que "nenhum registro encontrado com os dados informados" (Foto: Direto das Ruas)

Desenvolvido para facilitar e desburocratizar a emissão do passe do estudante em Campo Grande, o novo sistema da prefeitura ainda não vingou. Conforme relatos de pais e responsáveis, a ferramenta apresenta problemas no cadastramento e o processo para concessão da gratuidade em 2020 emperra.

Viabilizado pela Agetec (Agência de Municipal de Tecnologia da Informação e Inovação) em parceria com a Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito), o sistema torna obrigatória a vinculação do CPF (Cadastro de Pessoa Física) do beneficiado. Segundo a prefeitura, a medida serve para melhorar o controle e evitar duplicidade na concessão do benefício.

A ferramenta ainda inclui as escolas no processo, responsáveis pela validação do cadastro.

Pais que tentaram cadastrar seus filhos no sistema reclamam que, ainda no início da solicitação, o sistema trava e acusa “nenhum registro encontrado com os dados informados”.

Em contato com a prefeitura, estes mesmos pais foram informados de que o sistema apresentou problemas.

A reportagem procurou a administração municipal, via assessoria, mas não recebeu resposta até a publicação desta matéria.

Trâmite - Além do CPF do estudante, todos os demais documentos serão inseridos no cadastro digital, inclusive a foto, que pode ser tirada do próprio celular.

Após anexados os dados será gerado um protocolo, que deve ser levado com os documentos pessoais até a secretaria da escola.

A prefeitura estima economia de pelo menos 150 mil folhas de papel com a nova ferramenta.

O passe do estudante atende todas as redes de ensino e contempla 46,6 mil alunos. A emissão dos cartões do passe de estudante permanece com o Consórcio Guaicurus, responsável pelo transporte coletivo em Campo Grande.

Segundo a administração municipal, o novo sistema atende exigência do MPMS (Ministério Público Estadual) em TAC (Termo de Ajustamento de Conduta), assinado em novembro passado com Agetran, Consórcio Guaicurus, Semed (Secretaria Municipal de Educação), SED (Secretaria de Estado de Educação), Sinepe (Sindicato de Estabelecimento de Ensino de Mato Grosso do Sul) e Conselhos Tutelares.

A administração do Município apresentou manual para guiar o cadastramento ao sistema. Veja aqui.

Campo Grande News - Lista Vip WhatsApp
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions